ENEM: O que estudar de Geografia?

2017 está acabando e vai batendo aquela ansiedade. Mas antes de curtir as festas de fim de ano, é preciso que você mande muito bem no ENEM.

A disciplina de Geografia é ampla, com temas que contemplam o meio ambiente, a sociedade e a relações entre eles.

É arriscado ficar perdido no meio de tanto assunto e não estudar os mais corretos com profundidade.

Como ir muito bem em Geografia?

É importante ficar atento ao que diz o edital sobre os assuntos abordados. No entanto, a apresentação do conteúdo é bem completa, dificultando a escolha do que estudar de forma mais aprofundada.

Eleger os temas principais e encontrar uma boa ordem já são uma grande ajuda para orientar os estudos:

Geomorfologia

A Geomorfologia busca compreender a construção e o desgaste das paisagens terrestres ao longo das eras, incluindo cada fenômeno que interfere nesse processo. Lembrar sempre que os solos, o relevo, a distribuição hídrica, e até mesmo a diversidade dos biomas estão ligados à essa parte da Geografia.

Recursos naturais

Os recursos naturais são todos os elementos contidos nas paisagens do Brasil e do mundo, resultantes também dos processos geomorfológicos. É importante estar atendo àqueles mais utilizados pelo homem, fundamentais para a manutenção da sociedade. Isso é importante tanto na esfera extrativa, como na produtiva (sistemas agrícolas estão entre os temas mais frequentes do Enem). Também é imprescindível é conhecer as formas de utilização e a maneira como são extraídos da natureza.

Questões ambientais

Este tema reúne todos os problemas ou impasses causados pela extração e uso dos recursos naturais, além de fenômenos provocados pelas práticas sociais e o desenvolvimento urbano-industrial. Importante estar atento às tecnologias alternativas, inovações e soluções em desenvolvimento na sociedade moderna.

Industrialização e Urbanização

Estes temas estão interligados e reúnem inúmeros conceitos que definem o modelo e o grau de desenvolvimento de cada lugar. É preciso ter cuidado para saber observá-los separadamente, mas compreender sua relação. Mais que isso, entender que estes dois temas revolucionaram a vida da humanidade em seus processos produtivos, relações econômicas e sociais, além é claro de sua organização e distribuição territorial.

Demografia

Os estudos populacionais são importantes não apenas do ponto de vista quantitativo, para entender o volume de pessoas em cada lugar do mundo e a forma como interagem, mas da perspectiva qualitativa, abrangendo a distribuição populacional e também as movimentações dos povos (tanto nas dinâmicas locais quento processos migratórios), assim como as políticas públicas e reações sociais que envolvem a questão (conflitos, questão dos refugiados e xenofobia, por exemplo).

geografia

Globalização

Pensar em Globalização é fazer a amarração de todos os temas da Geografia. Este fenômeno liga fatores ambientais, atividades humanas, interação dos povos do mundo e as inovações técnicas ou tecnológicas. Aqui é necessário saber do que se trata, os conceitos que constroem o tal “mundo globalizado” e suas contradições. A Geopolítica, a propósito, pode ser estudada através da ótica da Globalização, uma vez que uma move a outra sendo influenciadas pelos demais temas já citados acima.

É bastante coisa, né? Mas seguindo este roteiro e não deixando os detalhes escaparem, dá para desenvolver a melhor estratégia para ter sucesso no Enem. Ter uma visão ampla, assertiva e crítica sobre os assuntos mais importantes para a sociedade atual e claro, para o seu vestibular!

bolsa de estudos graduação e pós quero bolsa

Bons estudos!

A Bia é formada em Geografia pela Federal de Alfenas, especializada pela USP em educação ambiental e mestre em Planejamento Urbano e Reginal pela UNIVAP. Ela é professora no Kuadro e vai tirar suas dúvidas de Geografia no blog.

Blog Kuadro