Especialista ensina passo a passo da redação do Enem

Redação do Enem: siga o passo a passo do especialista e destaque-se na prova

Não é necessário ser um gênio ou ter feito faculdade de jornalismo para conseguir escrever um bom texto. É verdade que algumas pessoas têm facilidade e talento para contar histórias de forma atrativa, mas segundo especialistas e escritores, o segredo de uma redação perfeita está mesmo na prática.

Com a redação do Enem não é diferente, embora ela tenha algumas particularidades. Antes de entrar nos detalhes, confira o passo a passo da redação do Enem revelado pela professora Erica Machado Herédia, que tem licenciatura em Letras pela UFMG e dá aulas da disciplina no cursinho online Kuadro.

Passo 1 – Antes da prova e da redação do Enem – Bagagem cultural ajuda na redação do Enem

Ao longo da vida você já deve ter se dedicado a ampliar seus conhecimentos em diversos assuntos, certo? Errado… você nem estava tão atento a isso, mas fez algumas viagens, visitou museus, participou de cursos e, com certeza, poderá aproveitar sua bagagem para ir bem na
redação.

Caso contrário, ainda assim tem salvação. Comece agora a buscar temas de impacto social que vêm sendo noticiados e comentados na internet. Quanto mais você se informar, lendo com atenção os textos de jornais, revistas e portais de notícias, mais consistentes serão suas argumentações na hora da prova.

Dica preciosa: durante a leitura, além de prestar atenção ao tema abordado, repare na forma como o texto foi escrito. Há boas redações feitas por jornalistas e colunistas no mundo digital.

Passo 2 – No momento da redação do Enem – Leia o enunciado que traz o tema da redação

Parece óbvio, mas muitos alunos acreditam que os textos de apoio são desnecessários e, com medo de estourarem o tempo da prova, acabam lendo rapidamente a proposta e partindo direto para a escrita. Um dos erros mais graves para um aluno na redação do Enem é fugir ao tema apresentado.

Se a prova oferece textos de apoio, leia-os com atenção! Eles indicam um caminho para os textos, direcionam seus argumentos e dão insights, isto é, “estalos” com ideias para a abordagem do tema.

Passo 3 – O primeiro parágrafo da redação do Enem – Essa é sua chance de chamar a atenção da banca que corrige a redação do Enem

O primeiro parágrafo de todo texto, também chamado por jornalistas de lead, deve trazer um resumo do que será a redação, ou seja, o leitor precisa saber logo no início o tema que será abordado e dentro de que contexto.

A redação – e isso vale para todos os textos que você for escrever de agora em diante – deve começar de forma atrativa, para que o leitor queira passar para o segundo parágrafo e seguir adiante. Você deve despertar a curiosidade do leitor. Deve usar um número de uma entidade de credibilidade, como a ONU, por exemplo. Também pode levantar uma questão polêmica… Enfim, usar sua criatividade dentro do tema proposto.

Passo 4 – Manter a coesão do texto – Um parágrafo tem que chamar o próximo e assim sucessivamente, com raciocínio coerente.

Quando você for escrever uma redação, “ligue” um parágrafo ao outro. Você tem que manter uma linha de raciocínio coerente. Mais do que criar um vínculo entre parágrafos, você precisa preocupar-se com a estrutura do texto e dar sentido a eles, concatenando as ideias.

Dica preciosa da especialista: para manter a coesão na redação do Enem, trate ponto a ponto das possíveis argumentações que seu leitor possivelmente faria ao ler o texto. Mantenha a calma, sem perder o fluxo de pensamento, sem pular de um ponto A para um ponto E, então volte ao ponto B. É importante ter em mente que a coesão é a costura bem feita das ideias em um texto e não um remendo!

Passo 5 – Propondo soluções para o tema citado no primeiro parágrafo

A redação do Enem, em geral, pede textos dissertativos (que narram uma história com começo, meio e fim) ou argumentativos (que apresentam respostas às perguntas do imaginário do leitor)

A redação do ENEM exige um tipo de texto de natureza reflexiva que consiste na ordenação de ideias, na proposição de argumentos e na discussão.

Uma das coisas mais importante é colocar uma proposta de solução do problema na redação do Enem. E atenção, a proposta de solução não é sinônimo de conclusão; ou seja: não precisa ser apresentada apenas na parte final da redação.

Você tem que ter em mente que fazer redação é discutir, questionar e expressar um ponto de vista, mas principalmente fazer isso tudo com o propósito de convencer o leitor. É primordial, nesse tipo de texto, que o desenvolvimento de raciocínios e argumentos que fundamentem as posições apresentadas sejam feitos com muito cuidado.

Dica preciosa da especialista: dedique-se à leitura e ao treino de textos que usam linguagem formal e que não citem datas específicas. Pegue papel e caneta e comece a escrever. No início, talvez não saia nada, mas com persistência você vai começar a produzir uma linha, uma frase e, finalmente, terá um parágrafo pronto. Siga em frente.

Passo 6 – Conclusão: chegou a hora de encerrar a discussão – Feche sua redação do Enem com chave de ouro

Aqui está sua última oportunidade de demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita e também que você está atento às questões atuais de cunho social e político.

Em geral, a banca que corrige a redação do Enem espera que o aluno apresente números que comprovem o problema abordado e proponha soluções para ele.

A escolha do tema da redação é bastante sigilosa, mas os eixos temáticos costumam se repetir, priorizando o lado social, como os que já apareceram em provas anteriores, como imigração, publicidade infantil e violência contra a mulher.

Depois de seguir estes passos, vamos aos detalhes. Se você conseguiu acompanhar a matéria até aqui, já pode ser um sinal de que tem chances de ir bem na redação. Saber ler, afinal de contas, é um dos maiores segredos de quem sabe escrever.

De acordo com Erica Herédia, uma boa estratégia na hora da redação do Enem é montar um rascunho, transformando o tema proposto em uma pergunta. Monte a estrutura colocando em cada parágrafo uma resposta para a questão e, de um modo simples e claro, concorde ou discorde do argumento apresentado. A resposta deve ser o seu ponto de vista sobre o assunto.

“Durante a redação, pergunte a si mesmo o porquê de sua resposta. Encontre uma razão para justificar sua posição: aí estará o seu argumento principal e é em cima dele que toda a argumentação secundária será construída”, afirma a professora do cursinho online Kuadro.

Ela diz ainda que é importante respaldar seus argumentos com fatos e informações de autoridade. Pode ser um fato da vida política, econômica, social ou até a citação de um filme, sempre alinhado ao tema principal e com originalidade.

Assista a uma aula completa sobre a estrutura do Texto Dissertativo com a Profª Erica:

O que achou deste conteúdo? Para mais textos conteúdos sobre o ENEM, continue acompanhando o Blog do Kuadro!

 

Aulas grátis para o ENEM

 

O que você achou?