sombra

Como usar sua nota do ENEM para estudar em Portugal

Nos últimos anos tem crescido o número de universidades brasileiras que utilizam a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) em seu processo seletivo. Atualmente, são mais de 120 instituições no Brasil que usam o exame para ingresso. Mas você sabia que pode aplicar sua nota do ENEM para estudar em Portugal?

É isso mesmo! Desde 2014 o processo já é autorizado e a primeira universidade portuguesa a integrar o acordo foi a Universidade de Coimbra, uma das maiores de Portugal.

Recentemente, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP) fez um acordo com a Universidade Fernando Pessoa. Com esse acordo, sobre para 29 o número de instituições portuguesas que classificam brasileiros através do exame.

Inscrição

As inscrição, geralmente denominadas “candidaturas”, são oferecidas em três prazos e são aceitas exclusivamente pela internet nos sites das universidades.

A concorrência às vagas exige alguns critérios, como a comprovação de que o candidato concluiu o Ensino Médio.

Além disso, o concorrente não pode ser natural de nenhuma nação que componha a União Europeia nem pode residir legalmente em Portugal há mais de dois anos ininterruptamente.

Processo Seletivo

As notas obtidas do ENEM são a base do processo e cada universidade define outras especificações, como notas mínimas e pesos para cada área, em suas seleções. Em Portugal, a escala costuma variar de 0 a 200 pontos, o que equivale à classificação do ENEM (0 a 1000 pontos) dividida por cinco.

Custo exigido

As universidades portuguesas costumam cobrar uma taxa de candidatura entre 20 e 110 euros. Para calcular a conversão, atualmente um euro (1€) equivale a aproximadamente quatro reais (R$4).

Há, no entanto, algumas universidades que não cobram taxa de candidatura, como é o caso da Universidade de Algarve, no sul de Portugal.

Alguns cursos podem ter outras taxas destinadas a testes físicos ou relacionadas à prática esportiva. Em universidades que cobram mensalidade, o valor costuma chegar até 700€  e as anuidades, que variam entre 1500 e 7000 euros, podem ser parceladas.

Caso o classificado seja bolsista ou tenha bom desempenho, aumentam as chances de ele receber descontos nos custos da universidade.

Lista de universidades

Universidade de Coimbra (UC)

Universidade de Aveiro (UA)

Universidade dos Açores (UAC)

Universidade da Beira Interior (UBI)

Universidade de Algarve (UAlg)

Universidade de Lisboa (ULisboa)

Universidade Lusófona (ULusófona)

Universidade da Madeira (UMa)

Universidade do Minho (Uminho)

Universidade do Porto (U.Porto)

Instituto Politécnico de Leiria (IPLeiria)

Instituto Politécnico de Beja (IPBeja)

Instituto Politécnico de Bragança (IPB)

Instituto Politécnico do Porto (IPP)

Instituto Politécnico Portalegre (IPPortalegre)

Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA)

Instituto Politécnico de Coimbra (IPC)

Instituto Politécnico da Guarda (IPG)

Instituto Politécnico de Viseu (IPV)

Instituto Politécnico de Santarém (IPSantarem)

Instituto Politécnico de Setúbal (IPS)

Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (Cespu)

Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB)

Universidade Lusófona do Porto (ULP)

Universidade Portucalente Infante D. Henrique (UPT)

Instituto Universitário da Maia (Ismai)

Instituto Politécnico da Maia (Ipmaia)

Universidade Católica do Porto (UCP)

Universidade Fernando Pessoa (UFP)

 

Para saber mais sobre o ENEM continue acompanhando o nosso Blog!

 

 

O que você achou?