Tenho dificuldade para começar a escrever uma redação! E agora?

É bem comum que muitos alunos tenham dificuldade, principalmente, na hora de começar uma redação. Isso acontece, pois é um momento único e primordial no processo de produção textual. Alguns relatam que não conseguem sair do lugar, ficam estagnados em um void de falta de criatividade, é bem assustador! 

Agora, outros dizem que o motivo o qual os atrapalha a começar uma redação é o excesso de informações que precisam ser selecionadas. São dois extremos muito distantes: a falta e o excesso. No entanto, ambos grupos estão no mesmo ponto de partida falho, portanto trabalharemos abaixo focando em cada um deles. 

1 – Eu não consigo começar a escrever uma redação, pois me falta informação!

Bom, a primeira coisa que é preciso é o conhecimento sobre o texto dissertativo. Saber que é necessário averiguar, de acordo com os textos motivadores e o tema, qual é o recorte temático- adequação mais precisa do tema- que a banca está te pedindo. Assim, conseguirá delimitar bem seu ponto de vista. 

Para isso, é preciso prática, às vezes nas primeiras redações você poderá perder alguns pontos no projeto de texto, mas isso pode ser positivo. Nunca encare o feedback do corretor como algo negativo, ele está te direcionando para as próximas redações, então ouça sempre seu corretor e tire as dúvidas com ele. 

Se assim o fizer, saberá o quê colocar em cada parte do seu texto. Aconselho assistir a este podcast, pode te ajudar demais com tudo isso. Com o tempo, você saberá exatamente o que colocar em cada parte do seu texto, por isso é essencial sempre assistir às aulas de estrutura da Redação e não só as aulas de Oficina. No prazo de poucas semanas, seguindo os direcionamentos aqui colocados, sua produção textual melhorá bastante! 

 


QUER APRENDER MAIS SOBRE REDAÇÃO? BAIXE GRATUITAMENTE O E-BOOK TIRE MIL NA REDAÇÃO

2- Eu não consigo começar a escrever uma redação, pois tenho informações demais! 

Aqui, é um pouco diferente, pois, geralmente, o aluno já tem um excelente domínio do projeto de texto e está tendo dificuldade ao selecionar a sua estratégia argumentativa e/ou tendo dificuldade ao selecionar os repertórios. Assim, o rascunho é a melhor opção. 

Lembre-se de parafrasear o tema, selecionando diferentes palavras do mesmo campo semântico para não ficar repetindo as mesmas palavras. Coloque sempre, no rascunho, dois repertórios, um para cada parágrafo do desenvolvimento, coligados, é claro, com a sua estratégia argumentativa. Escolha a estratégia primeiro, escolha aquela que você se sinta mais confortável naquele tema, por isso é importante treinar todas.

Ao contextualizar o tema, utilize um repertório mais tranquilo, aconselho, por exemplo, uma alusão histórica. Fazendo assim, terá uma alusão na introdução e os dois repertórios relevantes para os parágrafos do desenvolvimento. Pronto, filtramos o excesso, é melhor usar pouco repertório, mas que seja um repertório pertinente e legítimo! Dê uma olhada neste podcast, poderá ter uma ideia melhor sobre isso.

Agora que já está mais direcionado ou direcionada, vamos começar a produzir?

Baltazar Ferreira (@Balt.Educa
Coordenador de Redação, Português e Inglês, Baltazar é licenciado em Letras pela UFMG e certificado pela English Studio em Londres em fluência da língua inglesa. Ainda durante a faculdade, criou um núcleo de redação e começou sua carreira como educador. Seu foco é trabalhar com os alunos uma abordagem moderna em relação à escrita, ajudando-os a desenvolver o amor pela redação. Já ajudou mais de 43 alunos a tirarem mais de 900 na Redação do ENEM, apenas em 2019.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *