Histórias de aprovação: Ewerton Freitas – Medicina

Desde criança, o paraibano Ewerton Freitas sonhava em ser médico. O contato com a medicina vinha de família, acompanhando os pais que também trabalhavam na área da saúde. Apesar disso, o caminho da sua vida acabou por colocá-lo em contato com outra área. Depois de passar numa escola técnica de ensino médio, o contato com o ensino técnico despertou nele o interesse pela engenharia.

Da medicina para a engenharia

Agora envolvido com vetores e cálculos, Ewerton concluiu o ensino médio e conseguiu passar na Universidade Federal da Paraíba. Entretanto, após o começo do curso, o jovem paraibano teve contato com outras universidades que ensinam engenharia, uma delas o ITA.

Decidido a fazer a melhor universidade possível em sua área, Ewerton decidiu largar a universidade federal para se preparar para o vestibular do ITA. A decisão provocou resistência dos pais do jovem, preocupados que ele poderia estar perdendo tempo abandonando os estudos.

A decisão de abandonar a federal para tentar a prova do ITA, levaria a caminhos inesperados. A falta de um cursinho especializado em João Pessoa levou Ewerton a mudar de cidade. Numa cadeia de eventos, a mudança de cidade afetou profundamente o jovem, que sentia falta da família e se sentia deslocado. Era necessária uma nova mudança. Era necessário vencer os impedimentos de tempo e espaço e estudar mantendo-se próximo da família. Einstein, afinal, diria que tempo e espaço são relativos. Ewerton encontrou no Kuadro uma possibilidade de estudar de casa, tendo acesso ao conteúdo que precisava sem sacrificar a proximidade da família. Agora o plano de preparar-se para o ITA podia continuar.

A volta para a casa da família fez com que os pais entendessem a importância que aquela mudança tinha para Ewerton, a preocupação de antes se transformou em apoio. Ao mesmo tempo, o contato com o irmão mais novo reforçava nele a importância de buscar os próprios sonhos. A família dava forças para Ewerton perseguir seu objetivo e por sua vez, Ewerton ensinava a família o valor de fazer aquilo que se acredita.

Um novo velho sonho

Quando estudava na plataforma online do Kuadro, Ewerton voltou a ter contato com biologia, um assunto que remetia à paixão da infância pela medicina. A redescoberta movia algo no jovem paraibano. Segundo Sartre, o ser humano é um devir1 incompleto. Os objetivos do homem não se cumprem por que no momento em que os alcança, passa a almejar algo além. O foco mudava mais uma vez. O estudante de engenharia que deixou a faculdade para se dedicar ao ITA, agora decidia realizar o sonho de ser médico.

O sonho tornou-se real. Ewerton foi aprovado no vestibular de medicina pela Universidade Federal da Paraíba, a mesma em que ele havia abandonado o curso de engenharia.

Epícuro, um sábio grego da antiguidade, dizia que não é possível um homem tomar banho num rio duas vezes. Na segunda vez, não é o mesmo rio. Não é o mesmo homem. O jovem paraibano voltou para o lugar de onde saiu, mas não era mais o mesmo lugar. Nem ele era mais o mesmo Ewerton.

1- Devir: Conceito filosófico que consiste nas mudanças efetivas pelas quais o ser passa. Transformação, movimento permanente que age como regra sobre o ser.

Essa é a história do Ewerton, mas aqui tem mais histórias de jovens que o Kuadro ajudou a realizar os sonhos! Deixe a gente ajudar a realizar o seu também!

medicina