Questões - FUVEST 2003 | Gabarito e resoluções

Questão 4
2003Geografia

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Observe o grfico: a) Qual setor teve pior desempenho, entre 1997 e 2000, na reduo da emisso de gases que afetam a camada de oznio? Explique. b) Por que o Brasil reduziu as emisses de gases que destrem a camada de oznio?

Questão 4
2003Química

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )A qumica verde, isto , a qumica das transformaes que ocorrem com o mnimo de impacto ambiental, est baseada em alguns princpios: 1) utilizao de matriaprima renovvel, 2) no gerao de poluentes, 3) economia atmica, ou seja, processos realizados com a maior porcentagem de tomos dos reagentes incorporados ao produto desejado. Analise os trs processos industriais de produo de anidrido malico, representados pelas seguintes equaes qumicas: a) Qual deles apresenta maior economia atmica? Justifique. b) Qual deles obedece pelo menos a dois princpios dentre os trs citados? Justifique. c) Escreva a frmula estrutural do cido que, por desidratao, pode gerar o anidrido malico. d) Escreva a frmula estrutural do ismero geomtrico do cido do item c.

Questão 5
2003Biologia

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Uma espcie de lombriga de cavalo possui apenas um par de cromossomos no zigoto (2n = 2). Um macho dessa espcie, heterozigtico quanto a dois pares de alelos (Aa Bb) formou, ao final da gametognese, quatro tipos de espermatozides normais com diferentes gentipos quanto a esses genes. a) Qual o nmero de cromossomos e o nmero de molculas de DNA no ncleo de cada espermatozide? b) Quais so os gentipos dos espermatozides formados? c) Por que, a partir das informaes fornecidas, no possvel estimar a proporo em que cada um dos quatro tipos de espermatozides aparece? Explique

Questão 5
2003Português

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Leia as seguintes frases: I A globalizao pode ser negativa se a internacionalizao econmica beneficiar uns graas explorao de outros. II Educao, sade, saneamento bsico, rede eltrica, telecomunicaes e transporte so bens que, graas globalizao, atingem um nmero maior de indivduos. a) Em qual das frases seria mais adequado o emprego da locuo assinalada, caso fosse levado em conta o significado do substantivo graas? Justifique sua resposta. b) Reescreva os trechos graas explorao e graas globalizao, substituindo a locuo sublinhada por outra equivalente quanto ao sentido. Procure usar uma locuo diferente para cada trecho.

Questão 5
2003Química

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )O 2-metilbutano pode ser obtido pela hidrogenao cataltica, em fase gasosa, de qualquer dos seguintes alcenos isomricos: 2-metil-2-buteno + 2-metilbutano ∆H1 = -113 kJ/mol 2-metil-1-buteno + 2-metilbutano ∆H2 = -119 kJ/mol 3-metil-1-buteno + 2-metilbutano ∆H3 = -127 kJ/mol a) Complete o esquema da pgina ao lado com a frmula estrutural de cada um dos alcenos que faltam. Alm disso, ao lado de cada seta, coloque o respectivo ∆H de hidrogenao. b) Represente, em uma nica equao e usando frmulas moleculares, as reaes de combusto completa dos trs alcenos isomricos. c) A combusto total de cada um desses alcenos tambm leva a uma variao negativa de entalpia. Essa variao igual para esses trs alcenos? Explique. .

Questão 5
2003Física

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Um avio voa horizontalmente sobre o mar com velocidade V constante (a ser determinada). Um passageiro, sentado prximo ao centro de massa do avio, observa que a superfcie do suco de laranja, que est em um copo sobre a bandeja fixa ao seu assento, permanece paralela ao plano da bandeja. Estando junto janela, e olhando numa direo perpendicular da trajetria do avio, o passageiro nota que a ponta da asa esquerda do avio tangencia a linha do horizonte, como mostra a figura A. O piloto anuncia que, devido a um problema tcnico, o avio far uma curva de 180para retornar ao ponto de partida. Durante a curva, o avio se inclina para a esquerda, de um ngulo = 30 , sem que haja alteraes no mdulo de sua velocidade e na sua altura. O passageiro, olhando sempre na direo perpendicular da velocidade do avio, observa que a ponta da asa esquerda permanece durante toda a curva apontando para um pequeno rochedo que aflora do mar, como representado na figura B. O passageiro tambm nota que a superfcie do suco permaneceu paralela bandeja, e que o avio percorreu a trajetria semicircular de raio R (a ser determinado), em 90s. Percebe, ento, que com suas observaes, e alguns conhecimentos de Fsica que adquiriu no Ensino Mdio, pode estimar a altura e a velocidade do avio. a) Encontre uma relao entre V, R, g e , para a situao descrita. b) Estime o valor da velocidade V do avio, em km/h ou m/s. c) Estime o valor da altura H, acima do nvel do mar, em metros, em que o avio estava voando.

Questão 5
2003História

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Observe a reproduo do quadro. A partir dele: a) Identifique quem participava das Mones e quais eram os objetivos dessas pessoas. b) Cite uma caracterstica da pintura brasileira no sculo 19.

Questão 5
2003Geografia

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Justifique a seguinte afirmao: A questo fundiria no Brasil encontra suas origens no passado e no na falta de terras.

Questão 5
2003Português

(FUVEST - 2003 - 1a Fase) Leia o texto a seguir: Eu te amo Ah, se j perdemos a noo da hora, Se juntos j jogamos tudo fora, Me conta agora como hei de partir... Se, ao te conhecer, dei pra sonhar, fiz tantos desvarios, Rompi com o mundo, queimei meus navios, Me diz pra onde que inda posso ir... (...) Se entornaste a nossa sorte pelo cho, Se na baguna do teu corao Meu sangue errou de veia e se perdeu... (...) Como, se nos amamos como dois pagos, Teus seios inda esto nas minhas mos, Me explica com que cara eu vou sair... No, acho que ests s fazendo de conta, Te dei meus olhos pra tomares conta, Agora conta como hei de partir... (Tom Jobim - Chico Buarque) O sentimento de perplexidade expresso nas frases como hei de partir, pra onde que inda posso ir, com que cara eu vou sair, deve-se ao fato de que a relao amorosa do sujeito

Questão 5
2003Matemática

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Na figura ao abaixo, M o ponto mdio da corda PQ da circunferncia e PQ = 8 . O segmento RM perpendicular a PQ e RM = . Calcule: a) O raio da circunferncia. b) A medida do ngulo , onde O o centro da circunferncia.

Questão 6
2003Português

(FUVEST - 2003 - 1a Fase) Eu te amo Ah, se j perdemos a noo da hora, Se juntos j jogamos tudo fora, Me conta agora como hei de partir... Se, ao te conhecer, dei pra sonhar, fiz tantos desvarios, Rompi com o mundo, queimei meus navios, Me diz pra onde que inda posso ir... (...) Se entornaste a nossa sorte pelo cho, Se na baguna do teu corao Meu sangue errou de veia e se perdeu... (...) Como, se nos amamos como dois pagos, Teus seios inda esto nas minhas mos, Me explica com que cara eu vou sair... No, acho que ests s fazendo de conta, Te dei meus olhos pra tomares conta, Agora conta como hei de partir... (Tom Jobim - Chico Buarque) O prefixo assinalado em desvario expressa

Questão 6
2003História

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )RIO JAPUR Neste rio, prximo do I, d-se o mais brbaro e desumano trfico de ndios. Ordinariamente, nos meses de janeiro e fevereiro, sobe aquele rio nmero considervel de canoas com carregamentos de machados, facas, terados, missangas, espelhos, etc., com o fim especial de trocarem tais mercadorias com ndios que passam a servir aos negociantes como escravos. (...) De Tef, Fonte Boa, Coary e Caldero, territrio brasileiro, partem as expedies para aquele trfico: e de volta a esses pontos so novamente vendidos por 100$000 ou mais. Correio Paulistano. 11/10/1878. A partir do artigo do jornal, e usando seus conhecimentos de Histria, identifique: a) A regio onde se realizava esse tipo de comrcio escravista e em quais atividades econmicas era utilizada a mo-de-obra indgena; b) Alguns dos principais conflitos, no Brasil, desde o perodo colonial, em relao escravizao indgena.

Questão 6
2003Biologia

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )Aps alguns meses de monitoramento de uma regio de floresta temperada (de julho a dezembro de 1965), a vegetao de uma rea foi derrubada e impediu-se o crescimento de novas plantas. Tanto a rea de floresta intacta quanto a rea desmatada continuaram a ser monitoradas durante os dois anos e meio seguintes (de janeiro de 1966 a junho de 1968). O grfico a seguir mostra as concentraes de nitratos presentes nas guas de chuva drenadas das duas reas para crregos prximos. a) Se, em 1968, a vegetao da rea intacta tivesse sido removida e ambas as reas tivessem sido imediatamente usadas para cultivo de cereais, era de se esperar que houvesse maior produtividade de gros em uma delas? Por qu? b) Qual elemento qumico do nitrato fundamental para a manuteno de um ecossistema? Por qu?

Questão 6
2003Português

(FUVEST - 2003 - 2 FASE ) A tua saudade corta como ao de navaia... O corao fica aflito Bate uma, a outra faia... E os io se enche dgua Que at a vista se atrapaia, ai, ai... (Fragmento de Cuitelinho, cano folclrica) a) Nos dois primeiros versos h uma comparao. Reconstrua esses versos numa frase iniciada por Assim como (...), preservando os elementos comparados e o sentido da comparao. b) Se a forma do verbo atrapalhar estivesse flexionada de acordo com a norma-padro, haveria prejuzo para o efeito de sonoridade explorado no final do ltimo verso? Por qu?

Questão 6
2003Química

(FUVEST - 2003 - 2 FASE )A reao de acetato de fenila com gua, na presena de catalisador, produz cido actico e fenol. Os seguintes dados de concentrao de acetato de fenila, [A], em funo do tempo de reao, t, foram obtidos na temperatura de 5 C: a) Com esses dados, construa um grfico da concentrao de acetato de fenila (eixo y) em funo do tempo de reao (eixo x), utilizando o quadriculado abaixo.. b) Calcule a velocidade mdia de reao no intervalo de 0,25 a 0,50 min e no intervalo de 1,00 a 1,25 min. c) Utilizando dados do item b, verifique se a equao de velocidade dessa reao pode ser dada por: v = k [A] onde v = velocidade da reao k = constante, grandeza que independe de v e de [A] [A] = concentrao de acetato de fenila d) Escreva a equao qumica que representa a hidrlise do acetato de fenila. .