Microfotografia de bactéria

Reino Monera: características das bactérias

As bactérias podem ser muito mais interessantes do que imaginamos! Leia neste post sobre o reino Monera e as características das bactérias!

A “funcionalidade” do reino Monera

Muitas pessoas consideram as bactérias como seres potencialmente perigosos, mas a realidade é que muitas espécies não causam problemas e várias são essenciais para a existência de vida no planeta.

bactérias mutualísticas com espécies de plantas e animais; também há aquelas que participam do ciclo do nitrogênio e também podem atuar como decompositoras.

Existem bactérias que apresentam importância na indústria, na produção de alimentos, na produção de substâncias como insulina e outras funções.

Há também aquelas que são fundamentais na limpeza de ambientes poluídos – como a despoluição de cursos d’água – processo conhecido como biorremediação.

>> Passe em Medicina estudando online. Conheça o Curso Intensivo Medicina do Kuadro. <<

Estrutura e características das bactérias

As bactérias são seres unicelulares e procariontes (sem membrana nuclear). Podem viver isoladamente ou formando colônias.

Esses seres são caracterizados pela ausência de núcleo organizado e organelas membranosas em seu citoplasma.  As bactérias podem apresentar diversas formas, como mostra a figura abaixo:

Fotomicrografias de bactérias.

Figura 1: Fonte: AMABIS, J. M.; MARTHO, G. R. (2016)

A célula bacteriana apresenta quatro componentes básicos, que estão presentes em todas as células bacterianas. São eles:

  • membrana plasmática;
  • ribossomos;
  • hialoplasma; e
  • material genético (composto por um único cromossomo circular, que em geral está localizado na porção central da célula formando um emaranhado denominado nucleóide).

 

Algumas bactérias apresentam um DNA extra, que é chamado de plasmídeo. Ele não é essencial à vida, mas apresenta características vantajosas para o organismo, como por exemplo a resistência bacteriana.

Além das estruturas citadas, as bactérias possuem um envoltório rígido chamado de parede celular, a qual apresenta função de proteção e sustentação da célula. A cápsula também pode estar presente, sua função é dar adesão e proteção ao organismo.

A locomoção em muitas bactérias é realizada com auxílio de flagelos e fímbrias, essa última também apresenta papel na reprodução. Observe abaixo um exemplo de célula bacteriana:

Ilustração dos membros de uma célula bacteriana

Figura 2: Estrutura bacteriana. Fonte:
http://educacao.globo.com/biologia/assunto/microbiologia/bacterias.html

Nutrição das Bactérias

As bactérias podem apresentar diferentes formas de obtenção de seu alimento. Elas podem ser classificadas em autótrofas e heterótrofas.

Autótrofas

São aquelas que conseguem produzir seu próprio alimento. Elas obtêm o carbono, para a produção de moléculas orgânicas através do gás carbônico (CO2).

Esses seres podem realizar fotossíntese, quando a fonte de energia é luminosa e quimiossíntese quando a fonte de energia são reações químicas inorgânicas.

Heterótrofas

São aquelas que precisam retirar seu alimento do meio. Elas obtêm o carbono a partir de moléculas orgânicas, como por exemplo bactérias saprófagas.

As saprófagas utilizam a energia proveniente da matéria morta ou as parasitas, as quais causam diversas doenças em seus hospedeiros.

Bactérias e as Doenças

Acredita-se que aproximadamente metade das doenças humanas sejam causadas por bactérias. Esses seres ao invadirem o organismo se instalam nos tecidos, se multiplicam e causam infecções.

Entre as principais doenças bacterianas que acometem os seres humanos estão a tuberculose, pneumonia, hanseníase, cólera, tétano, leptospirose, sífilis, coqueluche, gonorreia entre outras.

As infecções bacterianas são tratadas com antibióticos, os quais podem ter ação bactericida (mata as bactérias) ou bacteriostática (que impede a multiplicação bacteriana). Além disso, essas substâncias podem ser produzidas por outros seres vivos – como a penicilina que é produzida por um fungo – ou sintetizadas artificialmente.

Os antibióticos podem agir inibindo a síntese de proteínas, impedindo a produção da parede celular, destruindo membrana plasmática, entre outras maneiras.

Já a prevenção de algumas doenças, como tétano e coqueluche (causadas por bactérias), pode ser feita com a vacinação da população. É importante conhecer mais sobre as doenças causadas por bactérias, pois isso facilita a prevenção.

Resistência bacteriana

O uso inadequado dos antibióticos pode selecionar bactérias resistentes. Isso ocorre uma vez que as bactérias sensíveis são combatidas e aquelas que apresentam algum gene de resistência não são eliminadas com a utilização dos antimicrobianos. Elas se multiplicam e transferem essa característica para as próximas gerações.

Prepare-se para o vestibular com as revisões do Kuadro!

Conheça os Cursos do Kuadro e garanta sua vaga na universidade que deseja ainda este ano!

Curso Intensivo ENEM

Curso Intensivo Medicina

Curso de Revisão ITA-IME

A Carla é formada em Biologia pela UNICAMP. Ela é professora do Kuadro e pode ser vista em várias das nossas aulas ao vivo. Quer saber mais sobre a matéria? Deixe sua pergunta nos comentários.

Blog Kuadro