Gabarito UFC - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
46-51 de 51
Questão
2001Redação

(UFC 2001) 1 Inquieta, olhou em torno. Os ramos se balanavam, as sombras vacilavam no cho. Um pardal ciscava na terra. E de repente, com mal-estar, pareceu-lhe ter cado numa emboscada. Fazia-se no Jardim um trabalho secreto do qual ela comeava a se aperceber. 2 Nas rvores as frutas eram pretas, doces como mel. Havia no cho caroos secos cheios de circunvolues, como pequenos crebros apodrecidos. O banco estava manchado de sucos roxos. Com suavidade intensa rumorejavam as guas. No tronco da rvore pregavam-se as luxuosas patas de uma aranha. A crueza do mundo era tranquila. O assassinato era profundo. E a morte no era o que pensvamos. 3 Ao mesmo tempo que imaginrio - era um mundo de se comer com os dentes, um mundo de volumosas dlias e tulipas. Os troncos eram percorridos por parasitas folhudas, o abrao era macio, colado. Como a repulsa que precedesse uma entrega - era fascinante, a mulher tinha nojo, e era fascinante. 4 As rvores estavam carregadas, o mundo era to rico que apodrecia. Quando Ana pensou que havia crianas e homens grandes com fome, a nusea subiu-lhe garganta, como se ela estivesse grvida e abandonada. A moral do Jardim era outra. Agora que o cego a guiara at ele, estremecia nos primeiros passos de um mundo faiscante, sombrio, onde vitrias-rgias boiavam monstruosas. As pequenas flores espalhadas na relva no lhe pareciam amarelas ou rosadas, mas cor de mau ouro e escarlates. A decomposio era profunda, perfumada... Mas todas as pesadas coisas, ela via com a cabea rodeada por um enxame de insetos enviados pela vida mais fina do mundo. A brisa se insinuava entre as flores. Ana mais adivinhava que sentia o seu cheiro adocicado... O Jardim era to bonito que ela teve medo do Inferno. 5 Era quase noite agora e tudo parecia cheio, pesado, um esquilo voou na sombra. Sob os ps a terra estava fofa, Ana aspirava-a com delcia. Era fascinante, e ela sentia nojo. (LISPECTOR, Clarice. Laos de Famlia. Rio de Janeiro: Sabi, 1973, p.24-25) No texto, sinaliza-se oposio entre a vida e a morte. Assinale abaixo a passagem em que isto se evidencia.

Questão
2000Física

(Ufc 2000) A figura a seguir mostra as esferas metálicas, A e B, montadas em suportes isolantes. Elas estão em contato, de modo a formarem um único condutor descarregado. Um bastão isolante, carregado com carga negativa, -q, é trazido para perto da esfera A, sem tocá-la. Em seguida, com o bastão na mesma posição, as duas esferas são separadas. Sobre a carga final em cada uma das esferas podemos afirmar:  

Questão
2000Física

(UFC -2000) A figura a seguir mostra as esferas metlicas, A e B, montadas em suportes isolantes. Elas esto em contato, de modo a formarem um nico condutor descarregado. Um basto isolante, carregado com carga negativa, -q, trazido para perto da esfera A, sem toc-la. Em seguida, com o basto na mesma posio, as duas esferas so separadas. Sobre a carga final em cada uma das esferas podemos afirmar:

Questão
2000Química

(Ufc 2000/Adaptada) O estômago humano, ao receber o alimento ingerido, é estimulado a produzir ácido clorídrico em elevada concentração. A elevada acidez originada (pH=1,0) é necessária para o processo de digestão das proteínas, que é catalisada pela enzima pepsina. Para minimizar os efeitos da acidez excessiva do estômago (azia), diversos medicamentos são prescritos por médicos, dentre os quais o hidróxido de alumínio, Aℓ(OH)3. Considere as afirmações: I) A reação de neutralização do ácido clorídrico com o hidróxido de alumínio balanceada é: Al(OH)3(aq)+ 3HCl(aq)- AlCl3(aq)+ 3 H2O(l) II) O volume de uma solução 1,0M em hidróxido de alumínio necessário para neutralizar completamente um volume correspondente a 10mL de solução 1,0M de HCℓ é de 60mL Está(ão) correta(s):

Questão
1999Matemática

(UFC 1999)  Seja  e , então, A + B é igual a:

Questão
1999Física

(Ufc 1999) Quatro discos, 1, 2, 3 e 4, todos de mesmo raio R=20cm, e de massas m1 =1kg, m2 =2kg, m3 =3kg, e m4 =4kg estão arrumados no plano horizontal, xy, conforme mostra a figura a seguir. A distribuição de massa em cada disco é homogênea. As coordenadas (X, Y) do centro de massa desse conjunto de discos são dadas, em cm, pelo par ordenado:

46-51 de 51
NOVIDADES
Kuadro