Chat with us, powered by LiveChat
Quais são os vestibulares de meio do ano e como se preparar

Quais são os vestibulares de meio do ano e como se preparar

Quem não conseguiu uma vaga no curso desejado no último vestibular ainda tem chances de começar a estudar em 2019. Daqui alguns meses, abrirão as inscrições para os vestibulares de meio do ano.
Diversas instituições de ensino superior possuem dois processos seletivos anuais. Confira algumas opções de cursos para você concorrer e como se preparar!

Vestibulares em todo o país

Independentemente de onde você esteja, é bem provável que haja uma faculdade próxima que abre vestibular no inverno. Selecionamos as universidades públicas por região. Veja:
Sudeste:

  • Fatec. Cursos: Marketing, Gestão Financeira, Automação Industrial, Comércio Exterior, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Logística e muito mais;
  • Unesp. Cursos: Engenharia Agronômica, Engenharia Aeronáutica, Engenharia Ambiental, Engenharia de Produção, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia Civil, Engenharia Mecânica e Engenharia Elétrica,
  • UERJ. Cursos: Administração, Arqueologia, Ciência da Computação, Design, Direito, Jornalismo, Letras, Medicina e muito mais. — Esse processo seletivo não é para ingresso neste ano, mas serve como um primeiro teste. Quem quiser pode fazer um 2º teste em dezembro para melhorar a nota.

Sul:

  • UDESC. Cursos: Administração Pública, Enfermagem, Zootecnia, Física, História, Engenharia Química, Pedagogia, Arquitetura e muito mais;
  • UEM. Cursos: Administração, Agronomia, Biomedicina, Direito, Comunicação e Multimeios, Letras, Matemática, Moda, Odontologia e muito mais,
  • UEPG. Cursos: Matemática, Física, Química, Engenharia de Materiais, Farmácia, Medicina, Serviço Social, Comércio Exterior, Artes Visuais, Música e muito mais.

Nordeste:

  • UECE. Cursos: Nutrição, Medicina Veterinária, Enfermagem, Terapia Ocupacional, Educação Física, Geografia e muito mais,
  • URCA. Cursos: Artes Visuais, Letras, Enfermagem, Engenharia de Produção, Teatro, Pedagogia, Química e muito mais.

Centro-Oeste:

  • UEG. Cursos: Administração, Direito, Design de Moda, Fisioterapia, Medicina, Psicologia, Turismo, Mineração, Gestão Pública e muito mais,
  • UNB. Cursos: Administração, Agronomia, Biblioteconomia, Ciências Econômicas, Enfermagem, Engenharia Civil, Letras, Museologia, Odontologia, Medicina e muito mais.

SiSu do meio do ano

Além dos vestibulares tradicionais de meio do ano, quem realizou o Enem no ano passado também pode concorrer novamente ao SiSu. O Sistema de Seleção Unificada ocorre duas vezes por ano, no início e no fim.
Porém, na seleção de inverno, as vagas ofertadas são menores — assim como a concorrência. Por isso, se o estudante não obteve a nota ideal para entrar em um curso, ele ainda tem chances de conseguir isso com a mesma pontuação.
Para participar do SiSu do meio do ano, os candidatos devem se inscrever no sistema e escolher a carreira que desejam. Também é importante acompanhar as notas de corte, que mudam até o término das inscrições, conforme mais pessoas se inscrevem.

Como se preparar para os vestibulares de meio de ano

Se o estudante já estava se preparando para o vestibular e não passou neste começo do ano, o exame de inverno pode ser uma oportunidade a mais. Nesse caso, é recomendável que ele priorize os conteúdos em que obteve menos acertos.
Vamos supor que o candidato tenha ido mal em Matemática e muito bem em Português e História. Nessa situação, é preferível dar um gás nas matérias de Matemática do que focar muito no que acertou. Nas disciplinas que ele já domina, é possível pular a parte teórica e só manter as revisões por meio de exercícios.
Por outro lado, se a pessoa não participou dos últimos exames e só está focada nos do fim de ano, as provas de vestibular de inverno podem servir de treino. Nesse caso, é importante que o estudante não se cobre tanto se não tiver um desempenho 100%, pois ele estará no meio do caminho da preparação.
Dessa forma, vale a pena continuar no próprio ritmo e seguir o cronograma de estudos. Esse calendário poderá ser o seu principal aliado até a aprovação no tão sonhado vestibular!
Lembre-se de que manter o próprio ritmo não significa intensificar os estudos para os vestibulares do meio do ano — e desacelerar em seguida. De nada adianta estudar muitas horas por dia, sem planejamento e absorção daquilo que é visto.
Além de estudar mais de uma matéria por dia, vale a pena dedicar um tempo para fazer revisões e treinar a redação. Cada vez mais, as instituições cobram que o candidato saiba escrever com desenvoltura e bons argumentos sobre quaisquer assuntos. Por isso, atenção!

Oportunidades à vista

Fique atento ao calendário das instituições para poder fazer a inscrição do vestibular. Se puder, participe do próximo processo seletivo e encare-o como parte da sua preparação para a aprovação.
Diversas instituições oferecem vagas nos vestibulares de meio de ano. Então, você não tem tempo a perder. Conte com o cursinho pré-vestibular do Kuadro para se preparar e estudar da melhor maneira!

Petropolitana, mas do mundo. Morei em muitos lugares e achei minha Pasárgada na UFMG, na Faculdade de Letras onde conclui minha graduação. Especializei-me em Gramática e em Linguística Aplicada. E continuo estudando! Agora faço especialização em Psicopedagogia, para entender ainda mais das dificuldades dos meus alunos. Sou professora em pré-vestibulares, orientadora pedagógica, coach de vestibulandos, youtuber e muito apaixonada pela Língua Portuguesa. Acompanhei centenas de alunos até o ingresso na faculdade e acredito no poder transformador da educação. Vamos estudar juntos?

Blog Kuadro