ENEM

ITA

IME

FUVEST

UNICAMP

UNESP

UNIFESP

UFPR

UFRGS

UNB

VestibularEdição do vestibular
Disciplina
Busca avançada
Ir para Ranking

(Fuvest Segunda Fase - 2018)A Lei de Terras, de 18

Geografia | Geografia Humana | Geografia Agrária | Brasil Rural | A revolução do espaço rural
Geografia | Geografia Humana | Geografia Urbana | Fases da urbanização brasileira
Geografia | Geografia Humana | Geografia Urbana | Problemas sociais urbanos
FUVEST 2018FUVEST GeografiaTurma ENEM Kuadro

(Fuvest Segunda Fase - 2018)

A Lei de Terras, de 1850, e a legislação subsequente codificaram os interesses combinados de fazendeiros e comerciantes, instituindo as garantias legais e judiciais de continuidade do padrão de exploração da força de trabalho, mesmo que o cativeiro entrasse em colapso. Na iminência de transformações nas condições do regime escravista, que poderiam comprometer a sujeição do trabalhador, criavam as peculiares condições que garantissem, ao menos, a sujeição do trabalho na produção do café.

José de Souza Martins, O cativeiro da terra, 1979. Adaptado.

a) Considerando o contexto social de transformações a que se refere o autor, explique os interesses combinados de fazendeiros e comerciantes que se codificaram na promulgação da Lei de Terras de 1850.

b) Cite e explique um impacto da abolição da escravidão em relação aos processos de urbanização e de industrialização.