Gabarito UFSJ - Provas Anteriores

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) A razão, para Hume, é:

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) Sobre o ceticismo, é CORRETO afirmar que

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) Sobre a origem da justiça, Hume afirma que:

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) Analise a seguinte afirmação:“Uma prática pela qual conhecendo a força e as ações do fogo, da água, dos astros, dos céus e de todos os outros corpos que nos cercam, tão distintamente como conhecemos os diferentes misteres de nossos artesãos, pudéssemos aplicá-los pela mesma forma a todos os usos para os quais são próprios, e tornando-nos assim como senhores e possuidores do Universo”.Essa afirmação refere-se

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) No debate do problema acerca do significado de transcendência, é CORRETO afirmar que, para Sartre, ela:

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) Assinale a alternativa que CORRETAMENTE revela “a história de um erro” para Nietzsche.

Questão
2011Filosofia

(Ufsj 2011) Sobre a ideia de soberania concebida por Hobbes, éCORRETOafirmar que a soberania:

Questão
2010Filosofia

(Ufsj 2010) Assinale a alternativa que apresenta a defesa de Sartre frente às críticas feitas pelos católicos ao seu existencialismo.

Questão
2010Filosofia

(Ufsj 2010) Marque a alternativa que apresenta “os quatro grandes erros”, segundo Nietzsche.

Questão
2010Filosofia

(Ufsj 2010) Em relação ao conceito sartreano de humanismo existencialista, é CORRETO afirmar que o homem

Questão
2010Filosofia

(UFSJ/2010) Assinale a alternativa CORRETA em relação ao objeto da Filosofia,

Questão
2010Filosofia

(Ufsj 2010) A partir da análise da seguinte afirmação: “O homem nada mais é do que aquilo que ele faz de si mesmo”, é CORRETO afirmar que se trata

Questão
2010Filosofia

(Ufsj 2010) O conceito de Liberdade em Sartre é caracterizado por

Questão
2010Filosofia

(UFSJ/2010)Sobre o conceito Filosofia, assinale a alternativa CORRETA

Questão
2010Filosofia

(Ufsj 2010) Na obra O que é Filosofia, de Caio Prado Júnior, O Mundo das ideias, para Platão, pode ser assim descrito: