Gabarito VUNESP - Provas Anteriores

1-15 de 43chevron right center
Questão
2019Geografia

Analise o mapa para responder questo. A leitura do mapa e os conhecimentos sobre o uso e a apropriao dos recursos naturais permitem afirmar que

Questão
2019Geografia

(VUNESP) A tcnica apresentada na imagem permite

Questão
2018Geografia

Analise o excerto e o mapa. Regio de solos rasos e pedregosos, com presena recorrente de Vertissolos, caracterizada por extenso processo de pediplanao gerador de superfcies de relevo plano pontuada por inselbergs residuais isolados ou agrupados. O domnio morfoclimtico descrito no excerto corresponde, no mapa, ao nmero

Questão
2018Geografia

A questo est relacionada ao perfil topogrfico e ao mapa apresentados a seguir. O perfil topogrfico mostra as caractersticas do relevo da rea destacada no mapa com a linha

Questão
2018Sociologia

(VUNESP) Segundo Queiroz e Moita (2007), o Conceito de Educao no consenso, ao contrrio, abrange uma diversidade significativa de concepes e correntes de pensamento, que esto relacionadas diretamente ao perodo histrico, ao movimento social, econmico, cultural, poltico nacional e internacional. Conforme essas autoras, mile Durkheim, que viveu em um rico e conturbado momento histrico (de um lado, a Revoluo Francesa; de outro, a Revoluo Industrial), entendia que Educao essencialmente o processo pelo qual aprendemos a ser

Questão
2018Português

(VUNESP - 2018) Observe a imagem. Lygia Clark.The inside is the outside, 1963 As obras de Lygia Clark, Lygia Pape, Hlio Oiticica caracterizam a produo Neoconcreta definida por uma arte

Questão
2016História

(VUNESP - 2016) O Mercosul continua em crise pela passagem da presidncia rotativa do bloco. A reunio de seus scios fundadores, realizada nesta quinta-feira (04.08.2016) em sua sede de Montevidu, terminou sem qualquer avano ou consenso. A reunio permitiu a constatao de que no houve consenso em torno do tema da presidncia pro tempore, disse o vice-chanceler paraguaio a jornalistas depois do encontro. A crise no Mercosul prolonga-se desde junho, sem sinal de soluo. Na ltima sexta (29.07.2016), o Uruguai deu por encerrada sua gesto na presidncia rotativa, sem anunciar a transferncia do posto a qualquer um dos scios do bloco. (G1, 04.08.2016. Disponvel em: http://goo.gl/NBZQux . Adaptado) A principal motivao para essa crise

Questão
2016Biologia

(VUNESP-2016) Espcies exticas invasoras tm um significativo impacto na vida e no modo de vida das pessoas. Sobre essas espcies, correto afirmar que

Questão
2014Geografia

Analisando a figura, que representa as grandes unidades estruturais do Brasil, segundo Petri Fúlfaro (1983), pode-se afirmar corretamente que

Questão
2012História

(VUNESP) Logo aps a Segunda Guerra Mundial, formou-se a Organizao das Naes Unidas (ONU). Um dos mais importantes rgos da ONU o seu Conselho de Segurana, que conta com cinco membros permanentes com poder de veto: os EUA, a Frana, a Inglaterra, a China e a Rssia. A ausncia de Japo e Alemanha como membros permanentes do Conselho de Segurana pode ser explicada, entre outros motivos, pelo fato de

Questão
2012História

(VUNESP - 2012) O reino do Congo se formou a partir da mistura, por meio de casamentos, de uma elite tradicional com uma elite nova, descendentes de estrangeiros que vieram do outro lado do rio. Isso ocorreu no incio do sculo XV, e quando os portugueses a ele chegaram (o primeiro contato se deu em 1483), encontraram uma sociedade hierarquizada, com aglomerados populacionais que funcionavam como capitais regionais e uma capital central, nos quais o mani Congo, como o ob do Benin e muitos outros chefes de grupos diversos, vivia em construes grandiosas, cercado de suas mulheres e filhos, conselheiros, escravos e ritos. Quando os portugueses conheceram esse reino, logo viram que seria um bom parceiro comercial, e trataram de manter relaes amistosas com ele. O mani Congo e os chefes que o cercavam tambm perceberam que poderiam lucrar com a aproximao com os portugueses e a eles se associaram. Por mais de trs sculos congoleses e portugueses mantiveram relaes comerciais e polticas pautadas pela independncia dos dois reinos, mas os portugueses acabaram por controlar a regio, que hoje corresponde ao norte de Angola. (Marina de Mello e Souza, frica e o Brasil Africano. Adaptado) A partir do fragmento, correto afirmar que

Questão
2011Filosofia

(VUNESP 2011) Ao se considerar a frase de Pascal, filsofo francs do sculo XVII, O corao tem razes que a prpria razo desconhece, pode-se afirmar que:

Questão
2010Biologia

A desaceleração econômica causada pela crise global, desde o fim do ano de 2008, na maioria dos países provocou desemprego e muitos projetos de desenvolvimento foram adiados. Esse fato influenciou diretamente na emissão de gases poluentes na atmosfera. Em consequência desse fato é possível afirmar: I. A queda na produção industrial provocou aumento da emissão de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera. II. Em muitos países, os investimentos para o desenvolvimento de energias renováveis aumentaram, na tentativa de diminuir a dependência excessiva de combustíveis fósseis. III. Com a diminuição da produção industrial em várias partes do mundo, o tráfego de caminhões caiu, amenizando as emissões de gases que causam as mudanças climáticas e a poluição local em grandes centros urbanos. IV. Com a redução da demanda de aço no mundo, dezenas de pequenas siderúrgicas em alguns países em desenvolvimento tiveram de parar as suas atividades e, em consequência, a concentração de dióxido de enxofre (SO2), substância responsável pela chuva ácida, aumentou expressivamente nesses lugares. V. Com o preço da soja e da carne em queda no Brasil, houve menos incentivos para derrubar a floresta e substituíla por pastos ou lavouras, tendo, como consequência, a redução, na Amazônia, do desmatamento no período de agosto de 2008 a janeiro de 2009, quando comparado ao mesmo período do ano anterior. (www.planetasustentavel.abril.com.br/notícia/ambiente/ Adaptado.) Estão corretas apenas as afirmações:

Questão
2010Matemática

(Vunesp 2010) Uma fábrica utiliza dois tipos de processos, P1 e P2, para produzir dois tipos de chocolates, C1 e C2. Paraproduzir 1000 unidades de C1 são exigidas 3 horas de trabalho no processo P1 e 3 horas em P2. Para produzir1000 unidades de C2 são necessárias 1 hora de trabalho no processo P1 e 6 horas em P2. Representada por x aquantidade diária de lotes de 1000 unidades de chocolates produzidas pelo processo P1 e por y a quantidade diária de lotes de 1000 unidades de chocolates produzidas pelo processo P2, sabe-se que o número de horas trabalhadaspelo dia no processo P1 é 3x + y, e que o número de horas trabalhadas em um dia no processo P2 é 3x + 6y. Dado que o lucro na venda de uma unidade do chocolate produzido pelo processo P1 é de R$ 0,50, enquanto que o lucro na venda de uma unidade do chocolate produzido pelo processo P2 é de R$ 0,80, e se forem vendidas todas as unidades produzidas em um dia nos dois processos, no número máximo possíveis de horas, o lucro obtido, em reais, será: *no processo P1 pode-se trabalhar no máximo 9 horas por dia e no processo P2 pode-se trabalhar no máximo 24 horas por dia

Questão
2009Biologia

(VUNESP - 2009) Analisando-se a ilustrao da clula eucaritica, a relao entre a organela e a sua funo :

1-15 de 43chevron right center