Questões - FUVEST 2011 | Gabarito e resoluções

Questão
2011Geografia

(FUVEST - 2011 - 2 fase) Observe os grficos abaixo sobre as exportaes brasileiras. a) Com base no grfico A e em seus conhecimentos, analise e explique as exportaes brasileiras entre 2001 e 2010. b) Compare as exportaes brasileiras para a Amrica Latina/Caribe e para a Unio Europeia (grfico B). Explique as diferenas encontradas.

Questão
2011Física

(FUVEST - 2011) Usando um sistema formado por uma corda e uma roldana, um homemlevanta uma caixa de massa m, aplicando na corda uma fora F que forma um ngulo com adireo vertical, como mostra a figura. O trabalho realizado pela resultante das foras queatuam na caixa- peso e fora da corda -, quando o centro de massa da caixa elevado, com velocidadeconstante v, desde a altura ya at a altura yb, :

Questão
2011Química

(FUVEST - 2011) A figura abaixo traz um modelo da estrutura microscpica de determinada substncia no estado slido, estendendo-se pelas trs dimenses do espao. Nesse modelo, cada esfera representa um tomo e cada basto, uma ligao qumica entre dois tomos. A substncia representada por esse modelo tridimensional pode ser

Questão
2011Química

(FUVEST - 2011) O istopo 14 do carbono emite radiao , sendo que 1 g de carbono de umvegetal vivo apresenta cerca de 900 decaimentos por hora - valor que permanece constante,pois as plantas absorvem continuamente novos tomos de 14C da atmosfera enquanto estovivas. Uma ferramenta de madeira, recolhida num stio arqueolgico, apresentava 225decaimentos por hora por grama de carbono. Assim sendo, essa ferramenta deve datar,aproximadamente, de Dado: tempo de meia-vida do 14C = 5 700 anos.

Questão
2011Química

(FUVEST 2011) Ao abastecer um automvel com gasolina, possvel sentir o odor do combustvel a certa distncia da bomba. Isso significa que, no ar, existem molculas dos componentes da gasolina, que so percebidas pelo olfato. Mesmo havendo, no ar, molculas de combustvel e de oxignio, no h combusto nesse caso. Trs explicaes diferentes foram propostas para isso: I. As molculas dos componentes da gasolina e as do oxignio esto em equilbrio qumico e, por isso, no reagem. II. temperatura ambiente, as molculas dos componentes da gasolina e as do oxignio no tm energia suficiente para iniciar a combusto. III. As molculas dos componentes da gasolina e as do oxignio encontram-se to separadas que no h coliso entre elas. Dentre as explicaes, est correto apenas o que se prope em

Questão
2011Física

(FUVEST -2011)Um esqueitista treina em uma pista cujo perfil est representado na figuraabaixo. O trecho horizontal AB est a uma altura h = 2,4 m em relao ao trecho, tambmhorizontal, CD. O esqueitista percorre a pista no sentido de A para D. No trecho AB, ele estcom velocidade constante, de mdulo v = 4 m/s; em seguida, desce a rampa BC, percorre otrecho CD, o mais baixo da pista, e sobe a outra rampa at atingir uma altura mxima H, emrelao a CD. A velocidade do esqueitista no trecho CD e a altura mxima H so,respectivamente, iguais a: NOTE E ADOTE g = 10 m/s2 Desconsiderar: - Efeitos dissipativos. - Movimentos do esqueitista em relao ao esqueite

Questão
2011HistóriaGeografia

(FUVEST 2011 - 2 fase) a) Correlacione as informaes contidas nos mapas acima. b) Identifique e explique dois fatores responsveis por mudanas no padro espacial de distribuio da populao brasileira, ocorridas entre 1991 e 2000.

Questão
2011FísicaPortuguês

(FUVEST - 2011) Era o que ele estudava. A estrutura, quer dizer, a estrutura ele repetia e abria as mos branqussimas ao esboar o gesto redondo. Eu ficava olhando seu gesto impreciso porque uma bolha de sabo mesmo imprecisa, nem slida nem lquida, nem realidade nem sonho. Pelcula e oco. A estrutura da bolha de sabo, compreende? No compreendia. No tinha importncia. Importante era o quintal da minha meninice com seus verdes canudos de mamoeiro, quando cortava os mais tenros que sopravam as bolas maiores, mais perfeitas. Lygia Fagundes Telles, A estrutura da bolha de sabo, 1973. A estrutura da bolha de sabo consequncia das propriedades fsicas e qumicas dos seus componentes. As cores observadas nas bolhas resultam da interferncia que ocorre entre os raios luminosos refletidos em suas superfcies interna e externa. Considere as afirmaes abaixo sobre o incio do conto de Lygia Fagundes Telles e sobre a bolha de sabo: I. O excerto recorre, logo em suas primeiras linhas, a um procedimento de coeso textual em que pronomes pessoais so utilizados antes da apresentao de seus referentes, gerando expectativa na leitura. II. Os principais fatores que permitem a existncia da bolha so a fora de tenso superficial do lquido e a presena do sabo, que reage com as impurezas da gua, formando a sua pelcula visvel. III. A tica geomtrica pode explicar o aparecimento de cores na bolha de sabo, j que esse fenmeno no consequncia da natureza ondulatria da luz. Est correto apenas o que se afirma em

Questão
2011Geografia

(FUVEST - 2011 - 2 fase) A eroso dos solos um grave problema ambiental e socioeconmico. A intensidade dos processos erosivos, por sua vez, relaciona-se a fatores naturais e ao humana. a) Identifique e explique dois fatores que contribuem para a eroso dos solos, sendo um deles natural e outro decorrente da ao humana. b) Identifique e explique um problema socioeconmico relacionado eroso dos solos em reas urbanas.

Questão
2011QuímicaGeografia

(FUVEST - 2011) O acidente ocorrido em abril de 2010, em uma plataforma de petrleo no Golfo do Mxico, colocou em risco o delicado equilbrio do ecossistema da regio. Alm da tentativa de conteno, com barreiras fsicas, de parte do leo derramado, foram utilizados dispersantes qumicos. Dispersantes so compostos que contm, em uma mesma molcula, grupos compatveis com leo (lipoflicos) e com gua (hidroflicos). Levando em conta as informaes acima e com base em seus conhecimentos, indique a afirmao correta.

Questão
2011Biologia

(FUVEST - 2011) A figura abaixo representa uma clula diploide e as clulas resultantes de sua diviso. Nesse processo:

Questão
2011Física

(FUVEST - 2011) Uma menina, segurando uma bola de tnis, corre com velocidade constante, de mdulo igual a 10,8 km/h, em trajetria retilnea, numa quadra plana e horizontal. Num certo instante, a menina, com o brao esticado horizontalmente ao lado do corpo, sem alterar o seu estado de movimento, solta a bola, que leva 0,5 s para atingir o solo. As distncias sm e sb percorridas, respectivamente, pela menina e pela bola, na direo horizontal, entre o instante em que a menina soltou a bola (t = 0 s) e o instante t = 0,5 s, valem: NOTE E ADOTE Desconsiderar efeitos dissipativos.

Questão
2011Matemática

(FUVEST - 2011- 2 fase) As circunferncias C1e C2esto centradas em O1e O2,tm raios r1=3 e r2=12, respectivamente, e tangenciam-se externamente. Uma retat tangente a C1no ponto P1, tangente a C2no ponto P2e intercepta a reta O1O2no ponto Q.Sendo assim, determine a) o comprimento P1P2; b) a rea do quadriltero O1O2P2P1; c) a rea do tringulo QO2P2.

Questão
2011Química

(FUVEST - 2011) Os confeitos de chocolate de determinada marca so apresentados em seis cores. Com eles, foi feito o seguinte experimento, destinado a separar os corantes utilizados em sua fabricao: Confeitos de cada uma das seis diferentes cores foram umedecidos com gua e pressionados contra uma folha de papel especial, de modo a deixar amostras dos corantes em pontos igualmente espaados, sempre a 2 cm da base da folha. A seguir, a folha foi colocada em um recipiente com gua, de forma a mergulhar somente a base da folha de papel na gua, sem que o lquido tocasse os pontos coloridos. Aps algum tempo, quando a gua havia atingido o topo da folha, observou-se a formao de manchas de diferentes cores, aqui simbolizadas por diferentes formas e tamanhos: Os confeitos em cuja fabricao empregado um corante amarelo so os de cor

Questão
2011Química

(FUVEST - 2011) Considere 4 frascos, cada um contendo diferentes substncias, a saber: Frasco 1: 100 mL de H2O(l) Frasco 2: 100 mL de soluo aquosa de cido actico de concentrao 0,5 mol/L Frasco 3: 100 mL de soluo aquosa de KOH de concentrao 1,0 mol/L Frasco 4: 100 mL de soluo aquosa de HNO3 de concentrao 1,2 mol/L A cada um desses frascos, adicionaram-se, em experimentos distintos, 100 mL de uma soluo aquosa de HC de concentrao 1,0 moI/L. Medindo-se o pH do lquido contido em cada frasco, antes e depois da adio de HC(aq), pde-se observar aumento do valor do pH somente: