ENEM

ITA

IME

FUVEST

UNICAMP

UNESP

UNIFESP

UFPR

UFRGS

UNB

VestibularEdição do vestibular
Disciplina
Busca avançada
Ir para Ranking

(FUVEST - 2002 - 1a fase)Antnio. Assim se chamava

(FUVEST - 2002 - 1a fase)

Antônio. Assim se chamava meu pai, vindo de Piracicaba, cidade do interior de São Paulo. (...) Foi saco de pancada quando pequeno, pois meu avô paterno levava ao exagero a filosofia do “quem dá o pão dá o ensino”. No entanto nunca se referiu de maneira rancorosa a esses castigos, nem achou necessário desforrar-se em mim do tanto que havia apanhado. Quando as coisas não lhe agradavam, preferia gargalhar num jeito muito seu, que lembrava bola de pingue-pongue descendo lentamente uma escada. Duas vezes apenas botou de lado esse tipo de reação.

(Mário Lago, Na rolança do tempo)

Considere as seguintes afirmações:

I. A frase “quem dá o pão dá o ensino” é a que apresenta marcas mais visíveis do gênero narrativo, ao qual pertence o texto.
II. Em “nem achou necessário” expressa-se juízo subjetivo do narrador.
III. A expressão “duas vezes apenas”, na última frase, aponta para exceções que confirmam a validade de uma regra habitual, formulada na frase anterior.

Em relação ao texto, está correto somente o que se afirma em

A

I.

B

II.

C

III.

D

I e II.

E

II e III.