Gabarito UFSM - Provas Anteriores

Questão
2015Biologia

(UFSM 2015) Muitos organismos são capazes de sobreviver em determinados ambientes,graças ao estabelecimento de interações ecológicas complexas e duradouras. Organismos doreino Fungi, por exemplo, podem estabelecer associações simbióticas específicas comorganismos de diferentes reinos, tais como:

Questão
2015Biologia

(UFSM 2015) Cada povo possui um tipo de culinária, um modo de preparar seus alimentos, como se fossem sinais culturais transmitidos por meio do paladar, da visão e do olfato. Por exemplo, no Brasil, os europeus foram os responsáveis pela introdução do sal, do açúcar e de diferentes especiarias, variando ainda mais o doce, o salgado, o azedo e o amargo do cardápio brasileiro. Sobre esses sabores, é correto afirmar que sua percepção é I. captada na língua e direcionada ao cérebro. II. transmitida ao cérebro através dos neurônios. III. reconhecida na região do sistema nervoso periférico. IV. uma mistura de sensações do olfato e do paladar. Estão corretas

Questão
2015Química

(UFSM2015) A alimentao essencial, pois dela que o homem obtm os nutrientes necessrios ao funcionamento de seu organismo. Nas ltimas dcadas, ocorreram mudanas significativas nos hbitos alimentares, havendo um aumento do consumo de alimentos industrializados. Assim, analise as afirmaes: I. O cido fosfrico presente em refrigerantes do tipo cola e um cido triprtico representado pela frmula H3PO4. II. O ferro essencial para a sade; sua deficincia pode levar a anemia grave, por isso recomendado o consumo de alimentos ricos em ferro, como a carne bovina. A configurao eletrnica do elemento ferro no estado fundamental 1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d6. III. As balinhas que estouram na boca contm, em sua composio, dois ingredientes: o cido ctrico (H3C6H5O7) e o bicarbonato de sdio (NaHCO3). Os dois, ao se dissolverem na boca, produzem a efervescncia. A reao entre o bicarbonato de sdio e o cido ctrico de oxirreduo. IV. A gua salgada (H2O + NaCℓ), utilizada para cozer alimentos, ferve em uma temperatura constante, pois se constitui de uma mistura homognea simples. Esto corretas

Questão
2015Português

(UFSM- 2015) O momento da refeio sempre foi uma ocasio para conversar. Em O Uraguai, de Baslio da Gama, o narrador aproveita o banquete dos oficiais, que se segue ao desfile das tropas portuguesas, no Canto I, para apresentar as causas da guerra, conforme mostra o excerto a seguir. [...] Convida o General depois da mostra, Pago da militar guerreira imagem, Os seus e os espanhis; e j recebe No pavilho purpreo, em largo giro, Os capites a alegre e rica mesa. Desterram-se os cuidados, derramando Os vinhos europeus nas taas de ouro. Ao som da 1ebrnea ctara sonora Arrebatado de furor divino Do seu heri, Matsio celebrava Altas empresas dignas de memria. [] Levantadas as mesas, entretinham O congresso de heris discursos vrios. Ali Catneo ao General pedia Que do principio lhe dissesse as causas Da nova guerra e do fatal tumulto. Fonte: GAMA, Baslio da. O Uraguai. 8. ed. Rio de Janeiro: Record, 2008. Glossrio 1Ebrnea: relativa ao marfim. A partir da leitura do fragmento, bem como da obra a que pertence, assinale verdadeira (V) ou falsa (F) em cada afirmativa a seguir. ( ) Ao introduzir, no Canto I, as causas da guerra, percebe-se a preocupao do narrador em contar a histria respeitando a ordem cronolgica dos eventos, o que se d desde o incio do poema. ( ) A guerra, cujas causas so inquiridas por Catneo, ocupara grande parte do relato, o que confere a obra seu tom pico, ainda que certas passagens de O Uraguai tambm apresentem traos de puro lirismo. ( ) O poema e todo composto em versos decasslabos brancos, predominantemente de ritmo heroico, como se pode ver claramente no excerto. ( ) A glorificao do General Gomes Freire de Andrade no excerto evidencia que ele e o heri do poema, smbolo da civilizao europeia que chega aos Sete Povos e que se contrape aos indgenas, apresentados no poema como selvagens, sem quaisquer qualidades heroicas. A sequncia correta

Questão
2015História

(Ufsm 2015) Do ponto de vista histórico, o tempo ou a contagem dele é uma invenção humana. Conforme suas necessidades, a maior parte das civilizações construiu um calendário a partir de um acontecimento tido como fundamental em suas culturas. Antes da invenção dos relógios mecânicos e digitais, dos celulares e computadores, nossos ancestrais usavam formas diversas para medir a passagem do tempo, com mais ou menos precisão. Considerando essas formas, coloque verdadeira (V) ou falsa (F) nas alternativas usadas por nossos ancestrais. ( ) apitos dos trens, floração das árvores e mudanças na temperatura ( ) relógios solares, erupções na pele dos animais e posição das estrelas ( ) incidência de luz, queda das folhas das árvores e ciclos agrícolas A sequência correta é

Questão
2015Biologia

(UFSM 2015) Considerando-se que as classificações atuais dos seres vivos procuram refletir seu relacionamento evolutivo (parentesco) e considerando-se que nem toda semelhança se deve à herança por meio de um ancestral comum (há semelhanças devido à pressões ambientais e adaptações a ambientes similares), avalie a correção dos itens a seguir. I. Organismos pertencentes à mesma classe, como o urso-polar e o golfinho (Mammalia), são mais próximos evolutivamente do que organismos de diferentes classes do mesmo filo, mesmo que estes sejam superficialmente mais semelhantes. Esse é o caso do tubarão (Chondrichthyes), que tem o formato hidrodinâmico semelhante ao do golfinho, porém apresenta parentesco mais distante. II. Organismos pertencentes à mesma família, tais como o lobo-guará e o cão (Canidae), são menos aparentados entre si do que organismos pertencentes à famílias diferentes, porém da mesma ordem, como a lontra (Mustelidae). III. Plantas de diferentes famílias são mais aparentadas entre si do que plantas do mesmo gênero, sendo o ambiente ao qual estão adaptadas, imprescindível para estabelecer seu parentesco. Esse é o caso das plantas suculentas de regiões desérticas, consideradas mais aparentadas por apresentarem adaptações similares diante da falta dágua. Está(ão) correta(s):

Questão
2015Português

(Ufsm 2015) Observe o fragmento a seguir, extraído do romance Nove noites (2006), de Bernardo Carvalho. O Xingu, em todo o caso, ficou guardado na minha memória como a imagem do inferno. Não entendia o que dera na cabeça dos índios para se instalarem lá, [...]. Não pensei mais no assunto até o antropologo que por fim me levou aos Krahô, em agosto de 2001, me esclarecer: Veja o Xingu. Por que os índios estão lá? Porque foram sendo empurrados, encurralados, foram fugindo até se estabelecerem no lugar mais inóspito e inacessível, o mais terrível para a sua sobrevivência, e ao mesmo tempo sua última e única condição. O Xingu foi o que lhes restou. Fonte: CARVALHO, Bernardo. Nove noites. São Paulo: Companhia das Letras, 2006. p.64-65. A partir do exposto, assinale a alternativa INCORRETA.

Questão
2015Português

(Ufsm 2015) Os hábitos alimentares estão entre os principais traços culturais de um povo. Era de se esperar, portanto, que houvesse alguma menção sobre o assunto no primeiro contato entre os portugueses e os nativos, conforme relatado na Carta de Pero Vaz de Caminha. De fato, Caminha escreve a respeito da reação de dois jovens nativos que foram ate a caravela de Cabral e que experimentaram alimentos oferecidos pelos portugueses: Deram-lhe[s] de comer: pão e peixe cozido, confeitos, bolos, mel e figos passados. Não quiseram comer quase nada de tudo aquilo. E se provavam alguma coisa, logo a cuspiam com nojo. Trouxeram-lhes vinho numa taça, mas apenas haviam provado o sabor, imediatamente demonstraram não gostar e não mais quiseram. Trouxeram-lhes água num jarro. Não beberam. Apenas bochechavam, lavando as bocas, e logo lançavam fora. Fonte: CASTRO, Silvio (org.) A carta de Pero Vaz de Caminha. Porto Alegre: LPM, 2003, p. 93. A partir da leitura do fragmento, são feitas as seguintes afirmativas: I. No fragmento, ao dar destaque as reações dos nativos frente à comida e a bebida oferecidas, Caminha registra o comportamento diferenciado deles quanto aos itens básicos da alimentação de um europeu. II. No fragmento, percebe-se a antipatia de Caminha pelos nativos, o que se confirma na leitura do restante da carta quanto a outros aspectos dos indígenas, como sua aparência física. III. O predomínio de verbos de ação, numa sequência de eventos interligados cronologicamente, confere um teor narrativo ao texto. Está(ão) correta(s)

Questão
2015Geografia

(Ufsm 2015) Observe o mapa: De acordo com o mapa e os seus conhecimentos, observe as afirmativas: I. Os principais recursos minerais brasileiros, como ferro, bauxita e manganês, são utilizados como commoditties, ou seja, exportados in natura para indústrias de transformação no exterior. II. A maior parte da extração mineral no Brasil ocorre em áreas de escudos cristalinos, devido à diversidade de minerais e rochas que compõem essa litologia. III. A extração de sal em território brasileiro é totalmente realizada em áreas litorâneas, que estão em contato com bacias sedimentares. IV. A mineração pode ser considerada uma das atividades humanas que mais causam impactos ao meio ambiente. Está(ão) correta(s)

Questão
2015Matemática

(Ufsm 2015) Para avaliar as vendas em 2013, o setor de planejamento de uma empresa utilizou a função polinomial N(t) = t3 21t2 + 126t + 304em que N representa o número de tablets vendidos no mês t, com t=1 correspondendo a janeiro, t=2 correspondendo a fevereiro e assim por diante. De acordo com os dados, o número de tablets vendidos foi igual a 480, nos meses de

Questão
2015Filosofia

(UFSM 2015)A tese de Foucault segundo a qual o poder uma estratgia e um conjunto de prticas que varia conforme as instituies em que exercido foi formulada para criticar, entre outras coisas, os postulados polticos do marxismo. Sua teoria foi construda a partir do exame de instituies como hospitais e escolas. Essas instituies revelam, segundo Foucault, que as relaes de poder se exercem prioritariamente

Questão
2015Química

(UFSM 2015) Observe a figura: A pilha seca comum, utilizada em rdios, lanternas e brinquedos eletrnicos, uma adaptao da pilha de Leclanch e utiliza, como meio eletroltico, uma pasta umedecida contendo sais, como o cloreto de amnio e o cloreto de zinco. As semirreaes para essa pilha so: ZnCℓ2 (aq) + 2e- Zn(s) + 2 Cℓ- (aq) E = -0,76 V NH4Cℓ (aq) + MnO2 (s) + 1e- 1/2 Mn2O3 (s) + 1/2 H2O (ℓ) + NH3 (aq) + Cℓ- (aq) E= 0,74 V Ento possvel afirmar: I. O Zn se reduz e o Mn se oxida. II. A diferena de potencial da pilha de 1,5V. III. A reao global que ocorre na pilha : 2 MnO2 (s) + 2 NH4Cℓ (aq) + Zn (s) Mn2O3 (s) + H2O (ℓ) + 2 NH3 (aq) + ZnCℓ2 (aq) IV. medida que a pilha vai sendo consumida (gasta), h aumento nas massas de dixido de mangans e gua. Esto corretas

Questão
2015Filosofia

(Ufsm 2015) Revoltas e movimentos sociais, como os ocorridos recentemente no Brasil, estão frequentemente envolvidos no aperfeiçoamento da vida social e podem ter papel adaptativo. Na história da filosofia política moderna, alguns filósofos conceberam seres humanos como átomos individuais movidos por apetites ou desejos guiados pelo prazer e dor, sendo o apetite fundamental do homem a autopreservação. Numa situação de escassez de bens, com pessoas guiadas exclusivamente por desejos antecipadores de prazer e voltados à autopreservação, haverá, inevitavelmente, conflito social. Que alternativa(s) racional(is) soluciona(m) o conflito? I. Uso da força e violência. II. Uso da ideologia e controle da informação. III. Acordo e deliberação coletiva. IV. Apelo à tradição e costume. Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s)

Questão
2015Português

(UFSM - 2015) Poeticamente, o sal metaforiza o mar, as lgrimas, a fora de viver. Castro Alves, em sua obra potica, lana mo desse recurso para unir arte e crtica social. Observe os fragmentos: Fragmento 1 A Cano do Africano L, na mida senzala, Sentado na estreita sala, Junto ao braseiro, no cho, Entoa o escravo o seu canto, E ao cantar correm-lhe em pranto Saudades do seu torro... Fonte: CASTRO ALVES, 1995, p. 100. Fragmento 2 - O Navio Negreiro Senhor Deus dos desgraados! Dizei-me vs, Senhor Deus! Se eu deliro... ou se e verdade Tanto horror perante os cus... O mar, por que no apagas Coa esponja de tuas vagas De teu manto este borro?... Astros! noite! tempestades! Rolai das imensidades! Varrei os mares, tufo!... Fonte: CASTRO ALVES, 1995, p. 137. Em relao a esses versos, possvel afirmar: I. O canto, as saudades e o pranto do escravo, no primeiro fragmento, so decorrentes do cativeiro resultante da escravido, situao aviltante ao ser humano. II. O horror perante os cus a que se refere o eu lrico, no segundo fragmento, corresponde ao trfico de escravos, mcula sociomoral que envergonha o Brasil. III. Em ambos os fragmentos, a crueldade da escravido se faz presente. Est(o) correta(s) a(s) afirmativa(s)

Questão
2015História

(UFSM - 2014) Comercializavam-se alimentos produzidos na regio e produtos importados [...]. Dentre os produtos produzidos na colnia, destacavam-se a farinha de mandioca, de milho e de trigo, feijo, acar, rapadura, aguardente, toucinho, charque e carne fresca [...] peixe seco e fresco. Dentre os produtos importados, os de maior procura eram vinagre, azeite, vinho, bacalhau, azeitonas, pimenta-do-reino, especiarias [...] e sal. Fonte: BRAICK e MOTA. Histria: das cavernas ao Terceiro Milnio. Vol. 2. So Paulo: Moderna, 2010. p. 84. Assim, aponte a afirmativa correta, quanto situao brasileira no perodo colonial.