Gabarito UFU - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão 1
2019Física

No sculo XVI, as pessoas acreditavam que a Terra no se movia. Todavia, atualmente sabemos que ela se move, e um conceito fsico que sustenta e auxilia na justificativa dessa idia o da:

Questão
2019Biologia

(UFU2019) As paisagens so dominadas por vegetao baixa e amplamente esparsa. As plantas abrangem suculentas, cactos e euforbiceas, arbustos profundamente enraizados e ervas que crescem durante perodos midos infrequentes. As plantas apresentam adaptaes que incluem tolerncia ao calor e dessecao, como tambm armazenamento de gua e reduo da rea de superfcie foliar. So comuns defesas fsicas, como espinhos, e defesas qumicas com toxinas nas folhas dos arbustos. A descrio acima refere-se ao bioma terrestre denominado

Questão
2019Biologia

(UFU - 2019) Observe o quadro: Com base nas informaes do quadro, assinale a alternativa que apresenta exemplos de animais que, respectivamente, utilizam esses tipos de alimentao.

Questão
2018Filosofia

UFU/2018 Considere o seguinte trecho, extraído da obra A náusea, do escritor e filósofo francês Jean Paul Sartre (1889-1980). O essencial é a contingência. O que quero dizer é que, por definição, a existência não é a necessidade. Existir é simplesmente estar presente; os entes aparecem, deixam que os encontremos, mas nunca podemos deduzi-los. Creio que há pessoas que compreenderam isso. Só que tentaram superar essa contingência inventando um ser necessário e causa de si próprio. Ora, nenhum ser necessário pode explicar a existência: a contingência não é uma ilusão, uma aparência que se pode dissipar; é o absoluto, por conseguinte, a gratuidade perfeita. SARTRE, Jean Paul. A Náusea. Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 1986. Tradução de Rita Braga, citado por: MARCONDES, Danilo Marcondes. Textos Básicos de Filosofia. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2000. Nesse trecho, vemos uma exemplificação ou uma referência ao existencialismo sartriano que se apresenta como

Questão
2018Sociologia

(UFU 2018) Para Weber, um tipo de dominação é estabelecido, pois obedece-se não à pessoa em virtude de seu direito próprio, mas à regra estatuída, que estabelece ao mesmo tempo a quem e em que medida se deve obedecer. COHN, Gabriel (Org.). Weber: Sociologia. 5.ed. São Paulo: Ática, 1991. p. 129. Coleção Grandes Cientistas Sociais. Com base na análise weberiana, assinale a alternativa que indica o tipo de dominação a que essa descrição está relacionada.

Questão
2018Física

Eclipses são fenômenos naturais, nos quais um corpo extenso como a Lua ou a Terra bloqueia a passagem dos raios solares quando Sol, Terra e Lua se encontram alinhados espacialmente. No exato momento de um eclipse total da Lua, uma pessoa que estivesse em nosso satélite natural, justamente na face voltada para nosso planeta, presenciaria de lá, o que, na Terra, seria

Questão
2018Sociologia

(UFU 2018) A Sociologia constitui-se como uma ciência que busca estudar os aspectos sociais da relação dos indivíduos por meio de um estudo crítico, distante e sistemático dos fenômenos sociais. Com base em alguns autores da Sociologia que se propõem a interpretar o mundo, assinale a alternativa correta.

Questão
2018Sociologia

(Ufu 2018) Disponível em: http://igames.ig.com.br/2018-03-23/futebol-copa-do-mundo-2018.html. Acesso em: 24 mar. 2018. O futebol tornou-se um espetáculo profissional que atualiza rituais, legitimando e justificando o sacrifício de muitos esportistas para uma possível futura profissionalização dos jogadores, ao lado de uma gama de produtos negociáveis, desde os próprios jogadores, passando por equipamentos esportivos, transmissões televisivas e até álbuns de figurinhas. Os processos de conformação das práticas esportivas do futebol, como apresentado, podem ser analisados pela Sociologia a partir do conceito de

Questão
2018Sociologia

(UFU 2018) Leia o excerto abaixo. [...] O centro dos primeiros sistemas da natureza não é o indivíduo, é a sociedade. É ela que se objetiva e não mais o homem. RODRIGUES, J. A. (Org.) Durkheim. São Paulo: Ática, 1978. p.201-202. Nesse trecho, Durkheim propõe romper com o humanismo antropocêntrico dos modernos em favor de um novo modelo de conhecimento baseado no sociocentrismo. Não mais o homem, mas a sociedade aparece como centro do conhecimento porque, para Durkheim,

Questão
2018Filosofia

(Ufu 2018) Segundo Karl Marx (1818-1883), não é a consciência dos homens que determina o seu ser; é o seu ser social que, inversamente, determina a sua consciência. Contribuição à crítica da economia política. São Paulo: M. Fontes, 1977. p. 23. Essa citação sintetiza o pensamento filosófico, político, histórico e econômico desse pensador, que se convencionou chamar de

Questão
2018Filosofia

(Ufu 2018) Na obra Discurso do método, o filósofo francês Renê Descartes descreve as quatro regras que, segundo ele, podem levar ao conhecimento de todas as coisas de que o espírito é capaz de conhecer. Quanto a uma dessas regras, ele diz que se trata de dividir cada dificuldade que examinasse em tantas partes quantas possíveis e necessárias para melhor resolvê-las. Descartes. Discurso do método,I-II, citado por: MARCONDES, Danilo. Textos Básicos de Filosofia. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2000. Tradução de Marcus Penchel. Essa regra, transcrita acima, é denominada

Questão
2018Biologia

(UFU - 2018) O esquema abaixo representa os diferentes estgios do desenvolvimento de um anfbio. De acordo com esse esquema, os diferentes estgios de desenvolvimento se originaram a partir de um ovo

Questão
2018Sociologia

(Ufu 2018) Quando de longe observamos o mundo árabe e o mundo judeu, vemos o contraste entre duas religiões a judaica, baseada no Tanakh (da qual a Torá é parte) e a muçulmana, baseada no Alcorão ou no Corão. Menos comum é vermos as semelhanças tal como o ritual de circuncisão masculina que, em ambas as religiões, se realiza a partir dos oito dias de vida e representa o pacto entre Deus e os homens. Por isso, entre sistemas com diferenças, também pode haver semelhanças e, para abarcar essa dupla realidade, as Ciências Sociais criaram o conceito de

Questão
2018História

(Ufu 2018) Alexandre, Bispo, Servo dos Servos de Deus, ao Caríssimo filho em Cristo, Afonso, Ilustre Rei dos Portugueses, e a seus herdeiros, in perpetuum. Está claramente demonstrado que, como bom filho e príncipe católico, prestaste inumeráveis serviços a tua mãe, a Santa Igreja, (...) Por isso, nós, atendemos às qualidades de prudência, justiça e idoneidade de governo que ilustram a tua pessoa, tomamo-la sob a proteção de São Pedro e nossa, e concedemos e confirmamos por autoridade apostólica ao teu excelso domínio o reino de Portugal (...) Disponível em: http://ensina.rtp.pt/artigo/a-bula-manifestis-probatum-o-documento-fundador-do-reino/. Acesso em 06 de mar. 2018. Em 23 de maio de 1179, o Papa Alexandre III emitiu uma bula, declarando D. Afonso Henriques soberano de Portugal. Esse trecho do documento é testemunho do surgimento precoce da primeira nação europeia. A aliança entre a nobreza e a burguesia (abençoada pela Igreja) enfraqueceu os senhores feudais, dando início ao aparecimento dos Estados Nacionais. Esse processo se arrastaria até o século XIX quando surgiu a última nação por meio da unificação de reinos. De acordo com as informações dadas, a nação referida no trecho em destaque é

Questão
2018Filosofia

(Ufu 2018) O filósofo natural e o dialético darão definições diferentes para cada uma dessas afecções. Por exemplo, no caso da pergunta O que é a raiva?, o dialético dirá que se trata de um desejo de vingança, ou algo deste tipo; o filósofo natural dirá que se trata de um aquecimento do sangue ou de fluidos quentes do coração. Um explica segundo a matéria, o outro, segundo a forma e a definição. A definição é o o que é da coisa, mas, para existir, esta precisa da matéria. Aristóteles. Sobre a alma, I,1 403a 25-32. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 2010. Considerando-se o trecho acima, extraído da obra Sobre a Alma, de Aristóteles (384-322 a.C.), assinale a alternativa que nomeia corretamente a doutrina aristotélica em questão.

NOVIDADES
Kuadro