Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
ITA
IME
IME
ENEM
ENEM
FUVEST
FUVEST
UNICAMP
UNICAMP
UNESP
UNESP
ESPCEX
ESPCEX
AFA
AFA
Questão
2011MatemáticaQuímica

(FUVEST 2011 - 2 fase)Um automvel consome, em mdia, um litro de gasolina para percorrer, em regio urbana, uma distncia de 10 km. Esse automvel do tipo conhecido como flex, ou seja, pode utilizar, como combustvel, gasolina e/ou lcool, com as propriedades fornecidas na tabela abaixo. Com base nas informaes dadas, determine: a) Os valores das energias e liberadas pela combusto de um litro de gasolina e de um litro de lcool, respectivamente. b) A distncia percorrida, em mdia, pelo automvel com 1 litro de lcool. c) O preo mximo de um litro de lcool, acima do qual no seria conveniente, do ponto de vista financeiro, utilizar esse combustvel, caso o litro de gasolina custasse R$ 2,40. d) O gasto mdio G com combustvel, por quilmetro rodado pelo automvel, em regio urbana, usando exclusivamente lcool, se o litro desse combustvel custar R$ 1,60.

Questão
2011Química

(FUVEST -2011) Em um funil de separao, encontram-se, em contato, volumes iguais de duas solues: uma soluo aquosa de I2, de concentrao 0,1*10-3 mol/L, e uma soluo de I2 em CCl4, de concentrao 1,0*10-3 moI/L. Considere que o valor da constante Kc do equilbrio igual a 100, temperatura do experimento, para concentraes expressas em moI/L. Assim sendo, o que correto afirmar a respeito do sistema descrito? I2(aq)⇌ I2(CCl4)

Questão
2011Física

(FUVEST -2011)Um esqueitista treina em uma pista cujo perfil est representado na figuraabaixo. O trecho horizontal AB est a uma altura h = 2,4 m em relao ao trecho, tambmhorizontal, CD. O esqueitista percorre a pista no sentido de A para D. No trecho AB, ele estcom velocidade constante, de mdulo v = 4 m/s; em seguida, desce a rampa BC, percorre otrecho CD, o mais baixo da pista, e sobe a outra rampa at atingir uma altura mxima H, emrelao a CD. A velocidade do esqueitista no trecho CD e a altura mxima H so,respectivamente, iguais a: NOTE E ADOTE g = 10 m/s2 Desconsiderar: - Efeitos dissipativos. - Movimentos do esqueitista em relao ao esqueite

Questão
2011Física

(FUVEST - 2020 - 2 fase) As sensaes provocadas nos passageiros, dentro de um carrinho, durante o trajeto em uma montanha-russa, podem ser associadas a determinadas transformaes histricas, como se observa no texto: A primeira a da ascenso contnua, metdica e persistente. Essa fase pode representar o perodo que vai, mais ou menos, do sculo XVI at meados do sculo XIX. A segunda a fase em que, num repente, nos precipitamos numa queda vertiginosa, perdendo as referncias do espao, das circunstncias que nos cercam e at o controle das faculdades conscientes. Isso aconteceu por volta de 1870. Nunca demais lembrar que esse foi o momento no qual surgiram os parques de diverses e sua mais espetacular atrao, a montanha-russa, claro. A terceira fase, na nossa imagem da montanha-russa, a do loop, a sncope final e definitiva, o clmax da acelerao precipitada. A escala das mudanas desencadeadas, a partir desse momento, de uma tal magnitude que faz os dois momentos anteriores parecerem projees em cmara lenta. N. Sevcenko, No loop da montanha-russa, 2009. Adaptado. a) Explique duas das fases histricas mencionadas no texto. b) Na montanha-russa esquematizada abaixo, um motor leva o carrinho at o ponto 1. Desse ponto, ele parte, saindo do repouso, em direo ao ponto 2, localizado em um trecho retilneo, para percorrer o resto do trajeto sob a ao da gravidade (g = 10 m/s2). Desprezando a resistncia do ar e as foras de atrito, calcule 1. o mdulo da acelerao tangencial do carrinho no ponto 2. 2. a velocidade escalar do carrinho no ponto 3, dentro do loop

Questão
2011Física

(FUVEST - 2020 - 2 fase) Os modelos permitem-nos fazer previses sobre situaes reais, sendo, em geral, simplificaes, vlidas em certas condies, de questes complexas. Por exemplo, num jogo de futebol, a trajetria da bola, aps o chute, e o dbito cardaco dos jogadores podem ser descritos por modelos. Trajetria da bola: quando se despreza a resistncia do ar, a trajetria da bola chutada, sob a ao da gravidade (g=10 m/s2), dada porem que v0a velocidade escalar inicial (em m/s), o ngulo de elevao (em radianos) e h a altura (em m) da bola a uma distncia d (em m), do local do chute, conforme figura abaixo. Dbito cardaco (DC): est relacionado ao volume sistlico VS (volume de sangue bombeado a cada batimento) e frequncia cardaca FC pela frmula DC = VS x FC. Utilize esses modelos para responder s seguintes questes: a) Durante uma partida, um jogador de futebol quer fazer um passe para um companheiro a 32 m de distncia. Seu chute produz uma velocidade inicial na bola de 72 km/h. Calcule os valores denecessrios para que o passe caia exatamente nos ps do companheiro. b) Dois jogadores, A e B, correndo moderadamente pelo campo, tm frequncia cardaca de 120 batimentos por minuto. O jogador A tem o volume sistlico igual a 4/5 do volume sistlico do jogador B. Os dois passam a correr mais rapidamente. A frequncia cardaca do jogador B eleva-se para 150 batimentos por minuto. Para quanto subir a frequncia cardaca do jogador A se a variao no dbito cardaco (DCfinal-DCinicial)de ambos for a mesma?

Questão
2011HistóriaGeografia

(FUVEST 2011 - 2 fase) a) Correlacione as informaes contidas nos mapas acima. b) Identifique e explique dois fatores responsveis por mudanas no padro espacial de distribuio da populao brasileira, ocorridas entre 1991 e 2000.

Questão
2011HistóriaGeografia

(FUVEST 2011 - 2 fase) O processo de formao de cidades brasileiras esteve associado, entre outras situaes, existncia de aldeamento indgena, estao de sade, arraial de minerao, capela, forte, assentamento de imigrantes, rota de tropeiros ou, ainda, construo de cidades planejadas. Com base no mapa e em seus conhecimentos: a) Preencha, no quadro presente na folha de respostas, a legenda correta para o mapa acima. b) Identifique e explique duas razes para a construo de Braslia, capital do pas, que uma cidade planejada.

Questão
2011Geografia

(FUVEST - 2011 - 2 fase) Observe os grficos abaixo sobre as exportaes brasileiras. a) Com base no grfico A e em seus conhecimentos, analise e explique as exportaes brasileiras entre 2001 e 2010. b) Compare as exportaes brasileiras para a Amrica Latina/Caribe e para a Unio Europeia (grfico B). Explique as diferenas encontradas.

Questão
2011Geografia

(FUVEST - 2011 - 2 fase) Com base no mapa e em seus conhecimentos: a) Analise os principais fluxos de turistas pelo mundo, relacionando-os com aspectos da Diviso Internacional do Trabalho. b) Faa uma anlise sobre a posio do Brasil na distribuio dos fluxos internacionais de turistas.

Questão
2011Física

(FUVEST - 2011) Usando um sistema formado por uma corda e uma roldana, um homemlevanta uma caixa de massa m, aplicando na corda uma fora F que forma um ngulo com adireo vertical, como mostra a figura. O trabalho realizado pela resultante das foras queatuam na caixa- peso e fora da corda -, quando o centro de massa da caixa elevado, com velocidadeconstante v, desde a altura ya at a altura yb, :

Questão
2011Geografia

(FUVEST - 2011 - 2 fase) Com base na tabela e em seus conhecimentos: a) Analise a presena de mo de obra familiar nos Estados de So Paulo e do Rio Grande do Sul, relacionando-a com as atividades agropecurias predominantes em cada um deles. b) Tendo em vista o fato de que a mo de obra familiar majoritria no Brasil, analise os dados de pessoal ocupado nos estabelecimentos rurais no Estado de So Paulo, considerando as transformaes agrrias ocorridas, nesse estado, a partir dos anos 1950.

Questão
2011MatemáticaPortuguês

(FUVEST - 2011) Poema ZEN, Pedro Xisto, 1966. Diagrama referente ao Poema ZEN. Observe as figuras acima e assinale a alternativa correta.

Questão
2011Biologia

(FUVEST - 2011) A figura abaixo representa uma clula diploide e as clulas resultantes de sua diviso. Nesse processo:

Questão
2011Biologia

(FUVEST - 2011) Uma das extremidades de um tubo de vidro foi envolvida por uma membrana semipermevel e, em seu interior, foi colocada a soluo A. Em seguida, mergulhou-se esse tubo num recipiente contendo a soluo B, como mostra a Figura 1. Minutos depois, observou-se a elevao do nvel da soluo no interior do tubo de vidro (Figura 2). O aumento do nvel da soluo no interior do tubo de vidro equivalente

Questão
2011Química

(FUVEST - 2011) Os confeitos de chocolate de determinada marca so apresentados em seis cores. Com eles, foi feito o seguinte experimento, destinado a separar os corantes utilizados em sua fabricao: Confeitos de cada uma das seis diferentes cores foram umedecidos com gua e pressionados contra uma folha de papel especial, de modo a deixar amostras dos corantes em pontos igualmente espaados, sempre a 2 cm da base da folha. A seguir, a folha foi colocada em um recipiente com gua, de forma a mergulhar somente a base da folha de papel na gua, sem que o lquido tocasse os pontos coloridos. Aps algum tempo, quando a gua havia atingido o topo da folha, observou-se a formao de manchas de diferentes cores, aqui simbolizadas por diferentes formas e tamanhos: Os confeitos em cuja fabricao empregado um corante amarelo so os de cor

NOVIDADES
Kuadro