Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 1) Com base na charge, apresente a) dois aspectos da realidade contempornea que atentam contra a soberania dos estados-nacionais. Justifique. b) um aspecto em que a soberania dos estados-nacionais seja exercida efetivamente sobre seu prprio territrio. Justifique.

Questão
2007Química

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 8) Uma tcnica de anlise qumica consiste em medir, continuamente, a massa de um slido, ao mesmo tempo em que submetido a um aquecimento progressivo. medida em que o slido vai se decompondo e liberando produtos gasosos, sua massa diminui e isso registrado graficamente. Por exemplo, se aquecermos AgNO3(s) anidro, por volta de 470 oC, esse sal comear a se decompor, restando prata metlica ao final do processo. No caso do oxalato de clcio monoidratado, CaC2O4.H2O (s) , ocorre perda de molculas de gua de hidratao, por volta de 160 oC; o oxalato de clcio anidro ento se decompe, liberando monxido de carbono (na proporo de 1 mol : 1 mol), por volta de 500 oC; e o produto slido resultante, finalmente, se decompe em xido de clcio, por volta de 650 oC. a) Escreva as equaes qumicas balanceadas, correspondentes aos trs processos sucessivos de decomposio descritos para o CaC2O4. H2O (s). b) Esboce o grfico que mostra a variao de massa, em funo da temperatura, para o experimento descrito.

Questão
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 8) A Mata Atlntica reconhecida como um dos biomas mais importantes do mundo, principalmente em funo de sua alta diversidade e endemismo. No entanto, existe uma grande preocupao com alguns de seus aspectos geogrficos atuais: o tamanho diminuto e a fragmentao de suas reas remanescentes. a) Identifique as reas 1 e 2 da Mata Atlntica, representadas no mapa. b) Explique por que os corredores ecolgicos, vistos como elo de ligao entre reas fragmentadas, podem ser instrumentos auxiliares na preservao dos biomas brasileiros. Justifique sua resposta, analisando a atual situao da Mata Atlntica.

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Um passageiro, viajando de metr, fez o registro de tempo entreduas estaes e obteve os valores indicados na tabela. Supondo que a velocidade mdia entre duas estaes consecutivas seja sempre a mesma eque o trem pare o mesmo tempo em qualquer estao da linha, de 15 km de extenso, possvel estimar que um trem, desde a partida da Estao Bosque at a chegada EstaoTerminal, leva aproximadamente

Questão
2007Química

(FUVEST - 2007 - 1a fase) A dissoluo de um sal em gua pode ocorrer com liberao de calor, absoro de calor ou sem efeito trmico. Conhecidos os calores envolvidos nas transformaes, mostradas no diagrama que segue, possvel calcular o calor da dissoluo de cloreto de sdio slido em gua, produzindo Na+ (aq) e Cl-(aq). ] Com os dados fornecidos, pode-se afirmar que a dissoluo de 1 mol desse sal

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 1a fase)Na cozinha de uma casa, ligada rede eltrica de 110 V, h duas tomadas A e B. Deseja-se utilizar, simultaneamente, um forno de microondas e um ferro de passar, com as caractersticas indicadas. Para que isso seja possvel, necessrio que o disjuntor (D) dessa instalao eltrica, seja de, no mnimo,

Questão
2007Biologia

(FUVEST - 2007 - 1a fase)Em ces labradores, dois genes, cada um com dois alelos (B/b e E/e), condicionam as trs pelagens tpicas da raa: preta, marrom e dourada. A pelagem dourada condicionada pela presena do alelo recessivo e em homozigose no gentipo. Os ces portadores de pelo menos um alelo dominante E sero pretos, se tiverem pelo menos um alelo dominante B; ou marrons, se forem homozigticos bb. O cruzamento de um macho dourado com uma fmea marrom produziu descendentes pretos, marrons e dourados. O gentipo do macho

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 6) Uma seta luminosa formada por pequenas lmpadas. Deseja-se projetar a imagem dessa seta, ampliada, sobre uma parede, de tal forma que seja mantido o sentido por ela indicado. Para isso, duas lentes convergentes, L1 e L2, so colocadas prximas uma da outra, entre a seta e a parede, como indicado no esquema abaixo. Para definir a posio e a caracterstica da lente L2, a) determine, no esquema da folha de resposta, traando as linhas de construo apropriadas, as imagens dos pontos A e B da seta, produzidas pela lente L1, cujos focos F1 esto sinalizados, indicando essas imagens por A1 e B1 respectivamente. b) determine, no esquema da folha de resposta, traando as linhas de construo apropriadas, a posio onde deve ser colocada a lente L2, indicando tal posio por uma linha vertical, com smbolo L2. .c) determine a distncia focal f2 da lente L2, em cm, traando os raios convenientes ou calculando-a. Escreva o resultado, no espao assinalado, na folha de respostas.

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 10) Recentemente Pluto foi rebaixado, perdendo sua classificao como planeta. Para avaliar os efeitos da gravidade em Pluto, considere suas caractersticas fsicas, comparadas com as da Terra, que esto apresentadas, com valores aproximados, no quadro abaixo: a) Determine o peso, na superfcie de Pluto (PP), de uma massa que na superfcie da Terra pesa 40 N (PT = 40 N) . b) Estime a altura mxima H, em metros, que uma bola, lanada verticalmente com velocidade V, atingiria em Pluto. Na Terra, essa mesma bola, lanada com a mesma velocidade, atinge uma altura hT = 1,5 m.

Questão
2007Química

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Uma equipe tenta resgatar um barco naufragado que est a 90 m de profundidade. O poro do barco tem tamanho suficiente para que um balo seja inflado dentro dele, expulse parte da gua e permita que o barco seja iado at uma profundidade de 10 m. O balo dispe de uma vlvula que libera o ar, medida que o barco sobe, para manter seu volume inalterado. No incio da operao, a 90 m de profundidade, so injetados 20.000 mols de ar no balo. Ao alcanar a profundidade de 10 m, a porcentagem do ar injetado que ainda permanece no balo : Considere que: Presso na superfcie do mar = 1 atm No mar, a presso da gua aumenta de 1 atm a cada 10 m de profundidade . A presso do ar no balo sempre igual presso externa da gua.

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 1a fase)Duas barras isolantes, A e B, iguais, colocadas sobre uma mesa, tm emsuas extremidades, esferas com cargas eltricas de mdulos iguais e sinais opostos. A barra A fixa, mas a barra B pode girar livremente em torno de seu centro O, que permanece fixo. Nassituaes I e II, a barra B foi colocada em equilbrio, em posies opostas. Para cada umadessas duas situaes, o equilbrio da barra B pode ser considerado como sendo,respectivamente, SITUAES DE EQUILBRIO - aps o sistema ser levemente deslocado de sua posioinicial: Estvel = tende a retornar ao equilbrio inicial Instvel = tende a afastar-se do equilbrio inicial Indiferente = permanece em equilbrio na nova posio

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 7) Em uma ilha distante, um equipamento eletrnico de monitoramento ambiental, que opera em 12 V e consome 240 W, mantido ligado 20 h por dia. A energia fornecida por um conjunto de N baterias ideais de 12 V. Essas baterias so carregadas por um gerador a diesel, G, atravs de uma resistncia R de 0,2 . Para evitar interferncia no monitoramento, o gerador ligado durante 4 h por dia, no perodo em que o equipamento permanece desligado. Determine a) a corrente I, em ampres, que alimenta o equipamento eletrnico C. b) o nmero mnimo N, de baterias, necessrio para manter o sistema, supondo que as baterias armazenem carga de 50 Ah cada uma. c) a tenso V, em volts, que deve ser fornecida pelo gerador, para carregar as baterias em 4 h. NOTE E ADOTE (1 ampre x 1 segundo = 1 coulomb) O parmetro usado para caracterizar a carga de uma bateria, produto da corrente pelo tempo, o amprehora (Ah). Suponha que a tenso da bateria permanea constante at o final de sua carga.

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 2) Um carro de corrida, de massa M = 800 kg, percorre uma pista de provas plana, com velocidade constante V0 = 60 m/s. Nessa situao, observa-se que a potncia desenvolvida pelo motor, P1 = 120 kW, praticamente toda utilizada para vencer a resistncia do ar (Situao 1, pista horizontal). Prosseguindo com os testes, faz-se o carro descer uma ladeira, com o motor desligado, de forma que mantenha a mesma velocidade V0 e que enfrente a mesma resistncia do ar (Situao 2, inclinao ). Finalmente, faz-se o carro subir uma ladeira, com a mesma velocidade V0, sujeito mesma resistncia do ar (Situao 3, inclinao ). a) Estime, para a Situao 1, o valor da fora de resistncia do ar FR, em newtons, que age sobre o carro no sentido oposto a seu movimento. b) Estime, para a Situao 2, o seno do ngulo de inclinao da ladeira, sen , para que o carro mantenha a velocidade V0 = 60 m/s. c) Estime, para a Situao 3, a potncia P3 do motor, em kW, para que o carro suba uma ladeira de inclinao dada por sen = 0,3, mantendo a velocidade V0 = 60 m/s. NOTE E ADOTE Potncia = Fora x Velocidade Considere, nessas trs situaes, que apenas a resistncia do ar dissipa energia.

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 5) Para medir a temperatura T0 do ar quente expelido, em baixa velocidade, por uma tubulao, um jovem utilizou uma garrafa cilndrica vazia, com rea da base S = 50 cm2 e altura H = 20 cm. Adaptando um suporte isolante na garrafa, ela foi suspensa sobre a tubulao por alguns minutos, para que o ar expelido ocupasse todo o seu volume e se estabelecesse o equilbrio trmico a T0 (Situao 1). A garrafa foi, ento, rapidamente colocada sobre um recipiente com gua mantida temperatura ambiente TA = 27 C. Ele observou que a gua do recipiente subiu at uma altura h = 4 cm, dentro da garrafa, aps o ar nela contido entrar em equilbrio trmico com a gua (Situao 2). Estime a) o volume VA, em cm3 , do ar dentro da garrafa, aps a entrada da gua, na Situao 2. b) a variao de presso P, em N/m2 , do ar dentro da garrafa, entre as Situaes 1 e 2. c) a temperatura inicial T0, em C, do ar da tubulao, desprezando a variao de presso do ar dentro da garrafa. NOTE E ADOTE PV = nRT T (K) = T (C) + 273

Questão
2007Física

(FUVEST - 2007 - 2 fase - Questo 1) De cima de um morro, um jovem assiste a uma exibio de fogos de artifcio, cujas exploses ocorrem na mesma altitude em que ele se encontra. Para avaliar a que distncia L os fogos explodem, verifica que o tempo decorrido entre ver uma exploso e ouvir o rudo correspondente de 3 s. Alm disso, esticando o brao, segura uma rgua a 75 cm do prprio rosto e estima que o dimetro D do crculo aparente, formado pela exploso, de 3 cm. Finalmente, avalia que a altura H em que a exploso ocorre de aproximadamente 2,5 vezes o dimetro D dos fogos. Nessas condies, avalie a) a distncia, L, em metros, entre os fogos e o observador. b) o dimetro D, em metros, da esfera formada pelos fogos. c) a energia E, em joules, necessria para enviar o rojo at a altura da exploso, considerando que ele tenha massa constante de 0,3 kg. d) a quantidade de plvora Q, em gramas, necessria para lanar esse rojo a partir do solo. NOTE E ADOTE 1 A velocidade do som, no ar, vsom 333 m/s. Despreze o tempo que a luz da exploso demora para chegar at o observador. NOTE E ADOTE 2 A combusto de 1 g de plvora libera uma energia de 2000 J; apenas 1% da energia liberada na combusto aproveitada no lanamento do rojo.

NOVIDADES
Kuadro