Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
ITA
IME
IME
ENEM
ENEM
FUVEST
FUVEST
UNICAMP
UNICAMP
UNESP
UNESP
ESPCEX
ESPCEX
AFA
AFA
Questão 5
2018História

(FUVEST - 2018) Em 14 de maio de 1930, um jornalista argentino comps a seguinte crnica, referindo-se abolio da escravido no Brasil: Hoje almoando na companhia do senhor catalo cujo nome no vou dizer por razes que os leitores podem adivinhar, ele me disse: -13 de maio festa nacional... Ah! mesmo? Continuei botando azeite na salada. -Festa da abolio da escravatura. -Ah, que bom. E como o assunto no me interessava especialmente, dedicava agora minha ateno a dosar a quantidade de vinagre que colocava na verdura. -Semana que vem far 42 anos que foi abolida a escravido. Dei tamanho pulo na cadeira, que metade da vinagreira foi parar na salada... -Como disse? repliquei espantado. -Sim, 42 anos, sob a regncia de dona Isabel de Bragana, aconselhada por Benjamin Constant. Dona Isabel era filha de Dom Pedro II. -Quarenta e dois anos? No possvel... -13 de maio de 1888, menos 1930: 42 anos... -Quer dizer que... -Que qualquer negro de 50 anos que voc encontrar hoje pelas ruas foi escravo at os 8 anos de idade; o negro de 60 anos, escravo at os 18 anos. -No ser possvel! O senhor deve estar enganado. No ser o ano de 1788... Olhe: acho que o senhor est enganado. No possvel. -Bom, se no acredita em mim, pode averiguar por a. Roberto Arlt. guasfortes cariocas. Rio de Janeiro: Rocco, 2013. Traduo: Gustavo Pacheco. a) Identifique e explique o estranhamento do cronista argentino. b) Aponte e explique duas caractersticas do processo de abolio da escravido no Brasil.

Questão 5
2018Biologia

(FUVEST 2018 - Segunda Fase) O heredograma mostra pessoas afetadas por uma doena gentica rara. a) mais provvel que essa doena tenha herana autossmica ou ligada ao cromossomo X? dominante ou recessiva? Justifique suas respostas b) Determinou-se que a doena nessa famlia causada pela substituio de um nico par de bases num determinado gene, o que levou substituio de uma glicina por uma arginina em uma enzima. Na tabela do cdigo gentico, esto relacionados os cdons correspondentes glicina e arginina. Com base nas informaes da tabela, indique a alterao que possa ter ocorrido no gene, em uma das trincas de bases correspondentes glicina, determinando sua substituio por arginina na enzima.

Questão 5
2018Geografia

(Fuvest Segunda Fase - 2018 - dia 3)

Questão 5
2018Química

(FUVEST - 2018 2 fase)O pineno é um composto insaturado volátil que existe sob a forma de dois isômeros, o alfa-pineno e o beta-pineno. Em um laboratório, havia uma amostra de pineno, mas sem que se soubesse se o composto era o alfapineno ou o beta pineno. Para resolver esse problema, um químico decidiu tratar a amostra com ozônio, pois a posição de duplas ligações em alcenos pode ser determinada pela análise dos produtos de reação desses alcenos com ozônio, como exemplificado nas reações para os isômeros de posição do 3-metil-octeno. O químico observou então que a ozonólise da amostra de pineno resultou em apenas um composto como produto. a) Esclareça se a amostra que havia no laboratório era do alfapineno ou do beta-pineno. Explique seu raciocínio. b) Mostre a fórmula estrutural do composto formado

Questão 5
2018Física

(FUVEST - 2018 - 2 FASE) Um alto-falante emitindo som com uma nica frequncia colocado prximo extremidade aberta de um tubo cilndrico vertical preenchido com um lquido. Na base do tubo, h uma torneira que permite escoar lentamente o lquido, de modo que a altura da coluna de lquido varie uniformemente no tempo. Partindo-se do tubo completamente cheio com o lquido e considerando apenas a coluna de ar criada no tubo, observa-se que o primeiro mximo de intensidade do som ocorre quando a altura da coluna de lquido diminui 5 cm e que o segundo mximo ocorre um minuto aps a torneira ter sido aberta. Determine a) o mdulo da velocidade V de diminuio da altura da coluna de lquido b) a frequncia f do som emitido pelo alto-falante. Sabendo que uma parcela da onda sonora pode se propagar no lquido, determine c) o comprimento de onda deste som no lquido; d) o menor comprimento L da coluna de lquido para que haja uma ressonncia deste som no lquido.

Questão 5
2018Física

(FUVEST -2018 - 1 FASE ) Ondas na superfcie de lquidos tm velocidades que dependem da profundidade do lquido e da acelerao da gravidade, desde que se propaguem em guas rasas. O grfico representa o mdulo v da velocidade da onda em funo da profundidade h da gua. Uma onda no mar, onde a profundidade da gua 4,0 m, tem comprimento de onda igual a 50 m. Na posio em que a profundidade da gua 1,0 m, essa onda tem comprimento de onda, em m, aproximadamente igual a

Questão 5
2018Matemática

(FUVEST - 2018 - 2 FASE) No plano cartesiano real, considere o tringulo ABC, em que A=(5,0), B=(8,0), C=(5,5), e a reta de equao,.Sejaa rea do trapzio ABED, em que D a interseco da reta com a reta de equao x=5, e o segmento DE paralelo ao eixo 0x. a) Encontre o comprimento do segmento DEem funo de. b)Expresse e esboce o grfico da funo.

Questão 5
2018Matemática

(FUVEST - 2018 - 2a fase) Para responder aos itens a) e b), considere a figura correspondente. a) Num tetraedro 0 ABC, os ngulos e medem 90. Sendo e as medidas dos ngulos e , respectivamente, expresse o cosseno do ngulo em funo de e . b) Um navio parte do ponto de latitude 0e longitude 0e navega at chegar a um ponto de latitude 45sul e longitude 45oeste, seguindo a trajetria que minimiza a distncia percorrida. Admita que a Terra seja esfrica de raio R = 6000 km. Qual foi a distncia percorrida pelo navio?

Questão 6
2018Matemática

(FUVEST - 2018 - 2 FASE) Uma cerca tem formato de um polgono regular de lados, cada lado com comprimento . A gua Estrela pasta amarrada cerca por uma corda, tambm de comprimento , no exterior da regio delimitada pelo polgono. Calcule a rea disponvel para pasto supondo que: a) a extremidade da corda presa cerca est fixada num dos vrtices do polgono; b) a extremidade da corda pudesse deslizar livremente ao longo de todo o permetro da cerca.

Questão 6
2018Física

(FUVEST - 2018 - 2 FASE) Uma espira quadrada, de lado L, constituda por barras rgidas de material condutor, de resistncia eltrica total R, se desloca no plano xy com velocidade constante, na direo do eixo x. No instante t = 0, representado na figura, a espira comea a entrar em uma regio do espao, de seo reta quadrada, de lado 2L, onde h um campo magntico perpendicular a ; a velocidade da espira mantida constante por meio da ao de um agente externo. O campo uniforme, constante e tem a direo do eixo z, entrando no plano xy. a) A figura da pgina de respostas representa a situao para o instante t1= L/(2v). Indique nessa figura o sentido da corrente eltrica i1que circula pela espira e determine o seu valor. b) Determine a corrente i2na espira para o instante t2= (3L)/(2v). c) Determine a fora eletromagntica (mdulo, direo e sentido) que atua na espira no instante t3= (5L)/(2v).

Questão 6
2018História

(FUVEST - 2018) Come anans, mastiga perdiz. Teu dia est prestes, burgus. Vladimir Maiakvski. Come anans, 1917. Cidado fiscal de rendas! Desculpe a liberdade. Obrigado... No se incomode... Estou vontade. A matria que me traz algo extraordinria: O lugar do poeta da sociedade proletria. Ao lado dos donos de terras e de vendas estou tambm citado por dbitos fiscais. Voc me exige 500 rublos por 6 meses e mais (...) Cidado fiscal de rendas, eu encerro. Pago os 5 e risco todos os zeros. Tudo o que quero um palmo de terra ao lado dos mais pobres camponeses e obreiros. Porm se vocs pensam que se trata apenas de copiar palavras a esmo, eis aqui, camaradas, minha pena, podem escrever vocs mesmo! Vladimir Maiakvski. Conversa sobre poesia com o fiscal de rendas, 1926. a) Indique duas caractersticas da produo cultural na Rssia, nos anos posteriores Revoluo de 1917. b) Identifique e comente uma crtica e uma proposta de mudana presentes nos dois poemas.

Questão 6
2018Matemática

(FUVEST - 2018 - 2a fase) Considere a funo real definida por. a) Qual o domnio de ? b) Encontre o(s) valor(es) de xpara o(s) qual(is) f(x) = 0.

Questão 6
2018Geografia

(Fuvest Segunda Fase - 2018 - dia 3)

Questão 6
2018Português

(FUVEST -2018 - 2 FASE) Leia o texto. A complicada arte de ver Ela entrou, deitouse no div e disse: Acho que estou ficando louca. Eu fiquei em silncio aguardando que ela me revelasse os sinais da sua loucura. Um dos meus prazeres cozinhar. Vou para a cozinha, corto as cebolas, os tomates, os pimentes uma alegria! Entretanto, faz uns dias, eu fui para a cozinha para fazer aquilo que j fizera centenas de vezes: cortar cebolas. Ato banal sem surpresas. Mas, cortada a cebola, eu olhei para ela e tive um susto. Percebi que nunca havia visto uma cebola. Aqueles anis perfeitamente ajustados, a luz se refletindo neles: tive a impresso de estar vendo a roscea de um vitral de catedral gtica. De repente, a cebola, de objeto a ser comido, se transformou em obra de arte para ser vista! E o pior que o mesmo aconteceu quando cortei os tomates, os pimentes... Agora, tudo o que vejo me causa espanto. Ela se calou, esperando o meu diagnstico. Eu me levantei, fui estante de livros e de l retirei as Odes Elementares, de Pablo Neruda. Procurei a Ode Cebola e lhe disse: Essa perturbao ocular que a acometeu comum entre os poetas. Veja o que Neruda disse de uma cebola igual quela que lhe causou assombro: Rosa de gua com escamas de cristal. No, voc no est louca. Voc ganhou olhos de poeta... Os poetas ensinam a ver Rubem Alves, Folha de S.Paulo, 26/10/2004. Adaptado. a) Segundo a concepo do autor, como a poesia pode ser entendida? b) Reescreva o trecho Agora, tudo o que vejo me causa espanto., substituindo o termo sublinhado por Naquela poca e empregando a primeira pessoa do plural. Faa as adaptaes necessrias

Questão 6
2018Biologia

(FUVEST 2018 - Segunda Fase) O grfico representa modificaes eltricas da membrana de um neurnio (potencial de membrana), mostrando o potencial de ao gerado por um estmulo, num dado momento. a) Identifique, nesse grfico, as fases indicadas pelas letras X, Y, W e Z. b) A esclerose mltipla uma doena autoimune, em que ocorre dano bainha de mielina. Que efeito tem essa desmielinizao sobre a conduo do impulso nervoso?

NOVIDADES
Kuadro