Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão 1
2017Português

(Fuvest 2017) Examine este cartaz, cuja finalidade é divulgar uma exposição de obras de Pablo Picasso Nas expressões Mão erudita e Olho selvagem, que compõem o texto do anúncio, os adjetivos erudita e selvagem sugerem que as obras do referido artista conjugam, respectivamente

Questão 1
2017Inglês

(FUVEST - 2017 - 2 FASE) Baseando-se na tirinha cmica Mama Taxi, responda, em portugus, ao que se pede. a) A que se refere a pergunta feita no segundo quadro pela motorista passageira? Justifique sua resposta. b) Qual foi a resposta dada pela passageira pergunta feita pela motorista no segundo quadro? Qual foi a ao assumida pela passageira na sequncia de sua resposta?

Questão 1
2017Química

(FUVEST 2017 - 2 fase) Um estudante realizou em laboratrio a reao de hidrlise do cloreto de terc-butila ((CH3)3CCl) para produzir terc-butanol. Para tal, fez o seguinte procedimento: adicionou 1 mL do cloreto de terc-butila a uma soluo contendo 60 % de acetona e 40 % de gua, em volume. Acrescentou, ainda, algumas gotas de indicador universal (mistura de indicadores cido-base). Ao longo da reao, o estudante observou a mudana de cor: inicialmente a soluo estava esverdeada, tornou se amarela e, finalmente, laranja. a) Complete, na pgina de respostas, a equao qumica que representa a reao de hidrlise do cloreto de terc-butila. b) Explique por que a cor da soluo se altera ao longo da reao. O estudante repetiu a reao de hidrlise nas mesmas condies experimentais anteriormente empregadas, exceto quanto composio do solvente. Nesse novo experimento, o cloreto de terc-butila foi solubilizado em uma mistura contendo 70 % de acetona e 30 % de gua, em volume. Verificou que, para atingir a mesma colorao laranja observada anteriormente, foi necessrio um tempo maior. c) Explique por que a mudana da composio do solvente afetou o tempo de reao.

Questão 1
2017Física

(Fuvest 2017 2 fase) De frias em Macap, cidade brasileira situada na linha do equador e a 51 de longitude oeste, Maria faz um selfie em frente ao monumento do marco zero do equador. Ela envia a foto a seu namorado, que trabalha em um navio ancorado prximo costa da Groenlndia, a 60 de latitude norte e no mesmo meridiano em que ela est. Considerando apenas os efeitos da rotao da Terra em torno de seu eixo, determine, para essa situao, a) a velocidade escalar vMde Maria; b) o mdulo aMda acelerao de Maria; c) a velocidade escalar vndo namorado de Maria; d) a medida do ngulo entre as direes das aceleraes de Maria e de seu namorado.

Questão 2
2017Geografia

(Fuvest Segunda Fase - 2017)A ideia do direito cidade no surge fundamentalmente de diferentes caprichos e modismos intelectuais. Surge basicamente das ruas, dos bairros, como um grito de socorro e amparo das pessoas oprimidas em tempos de desespero. David Harvey, Cidades rebeldes, Martins Editora, 2014. Adaptado. O autor se refere a uma srie de movimentos sociais urbanos da atualidade que tm tomado as ruas, em vrias cidades no mundo, transformando o espao pblico em um palco de lutas sociais, em busca de direitos. Segundo Lcio Kowarick (Escritos urbanos, Editora 34, 2000), movimentos sociais urbanos so foras coletivas que se organizam e se mobilizam tendo como pauta de reivindicao solues para os problemas especficos da vida nas cidades. a) Considerando as informaes apresentadas, identifique duas demandas por direitos pelos quais os movimentos sociais urbanos no Brasil tmse mobilizado no sculo XXI. Justifique. b) No Brasil, os movimentos sociais urbanos atuais apresentam diferenas em relao aos do passado, sobretudo os das dcadas de 1980 e 1990. Indique duas caractersticas dos movimentos sociais urbanos do sculo XXI que diferem das dos movimentos das dcadas de 1980 e 1990

Questão 2
2017Física

(Fuvest 2017 2 fase) Um cilindro termicamente isolado tem uma de suas extremidades fechadas por um pisto mvel, tambm isolado, que mantm a presso constante no interior do cilindro. O cilindro contm uma certa quantidade de um material slido temperatura Ti = -134 C. Um aquecedor transfere continuamente 3000 W de potncia para o sistema, levando-o temperatura final Tf= 114 C. O grfico e a tabela apresentam os diversos processos pelos quais o sistema passa em funo do tempo. a) Determine a energia total, E, fornecida pelo aquecedor desde Ti= -134 C at Tf= 114 C. b) Identifique, para esse material, qual dos processos (I, II, III, IV ou V) corresponde mudana do estado slido para o estado lquido. c) Sabendo que a quantidade de energia fornecida pelo aquecedor durante a vaporizao 1,2 x 106J, determine a massa, M, do material. d) Determine o calor especfico a presso constante, cp, desse material no estado lquido.

Questão 2
2017Biologia

(FUVEST- 2017) O sulfato de vincristina uma substncia usada para o tratamento de tumores. Esse quimioterpico penetra nas clulas e ligase tubulina, impedindo a formao de microtbulos. a) Que processo celular, importante para o tratamento, bloqueado, quando no se formam microtbulos? Como os microtbulos participam desse processo? b) Para o tratamento, o quimioterpico pode ser colocado dentro de lipossomos, vesculas limitadas por bicamada de constituio lipoproteica. Que estrutura celular tem composio semelhante do lipossomo, o que permite que ambos interajam, facilitando a ao do quimioterpico na clula?

Questão 2
2017Inglês

(FUVEST - 2017 - 2 FASE) Com base na leitura do texto e redigindo em portugus, atenda ao que se pede. a) Cite dois aspectos indicativos do carter misterioso da biografia de Shakespeare. b) Em que reside a importncia da descoberta, pela pesquisadora Heather Wolfe, de novos documentos relativos a um braso de armas conferido ao pai de Shakespeare em 1596?

Questão 2
2017Português

(FUVEST 2017 - 2 fase) A praga dos selfies De uma coisa tenho certeza. A foto pelo celular vale apenas pelo momento. No ser feito um lbum de fotografias, como no passado, onde vamos as imagens, lembrvamos da famlia, de frias, de alegrias. As imagens ficaro esquecidas em um imenso arquivo. Talvez uma ou outra, mais especial, seja revivida. Todas as outras, que ideia. S valem pelo prazer de fazer o selfie. Mostrar a alguns amigos. Mas o significado original da foto de famlia ou com amigos, que seria preservar o momento, est perdido. Vale pelo instante, como at grandes amores so hoje em dia. o sorriso, o clique, e obrigado. A conquista: uma foto com algum conhecido. W. Carrasco, A praga dos selfies. poca, 26.09.2016. a) Para que o emprego da palavra onde, sublinhada no texto, seja considerado correto, a que termo antecedente ela deve se referir? Justifique sua resposta. b) Reescreva a frase Todas as outras, que ideia., substituindo os dois sinais de pontuao nela empregados por outros, de tal maneira que fique mais evidente a entonao que ela tem no contexto.

Questão 2
2017Matemática

(FUVEST 2017 - 2FASE) O centro de um disco de raio 1 colocado no ponto C = (0,1)do plano cartesiano 0xy. Uma das extremidades de um fio de espessura desprezvel e comprimento 3 fixada na origem 0e a outra extremidade est inicialmente no ponto (3,0). Mantendo o fio sempre esticado e com mesmo comprimento, enrola-se, no sentido anti-horrio, parte dele em torno do disco, de modo que a parte enrolada do fio seja um arco OP da circunferncia que delimita o disco. A medida do ngulo , em radianos, denotada por . A parte no enrolada do fio um segmento retilneo que tangencia o disco no ponto P. A figura da pgina de respostas ilustra a situao descrita. a) Determine as coordenadas do ponto Qquando o segmento for paralelo ao eixo y. b) Determine as coordenadas do ponto Qquando o segmento for paralelo reta de equao y = x. c) Encontre uma expresso para as coordenadas do ponto Qem funo de , para no intervalo.

Questão 2
2017Português

(Fuvest 2017) A adoo do cardpio indgena introduziu nas cozinhas e zonas de servio das moradas brasileiras equipamentos desconhecidos no Reino. Instalou nos alpendres roceiros a prensa de espremer mandioca ralada para farinha. Nos inventrios paulistas comum a meno de tal fato. No inventrio de Pedro Nunes, por exemplo, efetuado em 1623, fala-se num stio nas bandas do Ipiranga com seu alpendre e duas camarinhas no dito alpendre com a prensa no dito stio que deveria comprimir nos tipitis toda a massa proveniente do mandiocal tambm inventariado. Mas a farinha no exigia somente a prensa pedia, tambm, raladores, cochos de lavagem e forno ou fogo. Era normal, ento, a casa de fazer farinha, no quintal, ao lado dos telheiros e prxima cozinha. Carlos A. C. Lemos, Cozinhas, etc. Traduz corretamente uma relao espacial expressa no texto o que se encontra em:

Questão 2
2017Química

(FUVEST 2017 - 2 fase) Para estudar a velocidade da reao entre carbonato de cobre (CuCO3) e cido ntrico (HNO3), foram feitos trs experimentos, em que o volume de dixido de carbono (CO2) produzido foi medido em vrios intervalos de tempo. A tabela apresenta as condies em que foram realizados esses experimentos. Nos trs experimentos, foram utilizadas massas idnticas de carbonato de cobre e a temperatura foi mantida constante durante o tempo em que as reaes foram acompanhadas. Os dados obtidos nos trs experimentos foram representados em um grfico de volume de CO2em funo do tempo de reao. Esse grfico est apresentado a seguir. a) Escreva a equao qumica balanceada que representa a reao que ocorreu entre o carbonato de cobre e o cido ntrico b) Com base nas condies empregadas em cada experimento, complete a legenda do grfico, na pgina de respostas, com o nmero do experimento. Considere irrelevante a perda de volume de CO2coletado devido dissoluo na soluo. Justifique suas resposta c) Nos trs experimentos, o mesmo reagente estava em excesso. Qual esse reagente? Explique

Questão 2
2017História

(FUVEST 2017 - Segunda Fase, 3odia) O caf passou a ser o produto das grandes fazendas doadas em sesmarias, enquanto a corte portuguesa residia no Rio de Janeiro. Na verdade, o caf foi a salvao da aristocracia colonial. Foi tambm a salvao da corte imperial cambaleante, que, assediada por rebelies regenciais e duramente pressionada a pagar pelas burocracias civil e militar necessrias para consolidar o Estado, foi resgatada pelas receitas do caf que afluam para a alfndega do Rio de Janeiro. Caso as condies de cultivo tivessem sido mais favorveis ao caf nas distantes e rebeldes cidades do Recife, Porto Alegre ou So Lus, seriam geradas foras centrfugas que teriam dividido o Brasil. Warren Dean, A ferro e fogo. A histria e a devastao da Mata Atlntica brasileira, 1996. Adaptado. A partir do texto, a) indique a localizao geogrfica da cultura do caf no Imprio do Brasil, mencionando qual foi sua maior zona produtor; b) caracterize a economia das provncias que, entre 1835 e 1845, rebelaram-se contra o poder central do Imprio.

Questão 3
2017História

(FUVEST 2017 - Segunda Fase, 3odia) H meses os jornais londrinos The Times, The Economist, The Examiner, Saturday Review tm repetido a mesma ladainha sobre a Guerra Civil americana. Enquanto insultam os estados livres do Norte, defendem-se ansiosamente contra a suspeita de simpatizarem com os estados escravistas do Sul. Seus argumentos extenuantes so basicamente os seguintes. A guerra entre Norte e Sul uma guerra de tarifas, entre um sistema protecionista e um sistema de livre comrcio, e a Inglaterra, claro, est do lado do livre-comrcio. Ademais, a guerra no est sendo travada sobre qualquer questo de princpio; ela no se refere ao problema da escravido, mas, sim, centra-se nos desejos de soberania do Norte. Karl Marx, A Guerra Civil norteamericana. Publicado originalmente em 25 de outubro de 1861, no jornal Die Presse. Adaptado. a) Com base no texto, explique os fundamentos econmicos e polticos da Guerra Civil norte-americana. b) Com base no texto e na imagem, na qual aparece, com destaque, o ativista Martin Luther King, relacione o movimento poltico a que ela se refere com os resultados da Guerra Civil.

Questão 3
2017Química

(FUVEST 2017 - 2 fase)O Brasil produziu, em 2014, 14 milhes de toneladas de minrio de nquel. Apenas uma parte desse minrio processada para a obteno de nquel puro. Uma das etapas do processo de obteno do nquel puro consiste no aquecimento, em presena de ar, do sulfeto de nquel (Ni2S3), contido no minrio, formando xido de nquel (NiO) e dixido de enxofre (SO2). O xido de nquel , ento, aquecido com carvo, em um forno, obtendo-se o nquel metlico. Nessa ltima etapa, forma se, tambm, dixido de carbono (CO2) a) Considere que apenas 30 % de todo o minrio produzido em 2014 foram destinados ao processo de obteno de nquel puro e que, nesse processo, a massa de nquel puro obtida correspondeu a 1,4 % da massa de minrio utilizada. Calcule a massa mnima de carvo, em quilogramas, que foi necessria para a obteno dessa quantidade de nquel puro b) Cada um dos gases produzidos nessas etapas de obteno do nquel puro causa um tipo de dano ambiental. Explique esse fato para cada um desses gases.

NOVIDADES
Kuadro