Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão
2013Física

(Fuvest 2013 1 fase) No circuito da figura, a diferena de potencial, em mdulo, entre os pontos A e B de

Questão
2013RedaçãoPortuguês

(FUVEST 2013) Vivendo e... Eu sabia fazer pipa e hoje no sei mais. Duvido que se hoje pegasse uma bola de gude conseguisse equilibr-la na dobra do dedo indicador sobre a unha do polegar, quanto mais jog-la com a1preciso que tinha quando era garoto. (...) Juntando-se as duas mos de um determinado jeito, com os polegares para dentro, e assoprando pelo buraquinho, tirava-se um silvo bonito que inclusive variava de tom conforme o posicionamento das mos. Hoje no sei mais que jeito esse. Eu sabia a2frmula de fazer cola caseira. Algo envolvendo farinha e gua e3muita confuso na cozinha, de onde ramos expulsos sob ameaas. Hoje no sei mais. A gente comeava a contar depois de ver um relmpago e11o nmero a que chegasse quando ouvia a trovoada, multiplicado por outro nmero, dava a4distncia exata do relmpago. No me lembro mais dos nmeros. (...) 12Lembro o orgulho com que consegui, pela primeira vez, cuspir corretamente pelo espao adequado entre os dentes de cima e a ponta da lngua de modo que o cuspe ganhasse distncia e pudesse ser mirado. Com prtica, conseguia-se controlar a5trajetria elptica da cusparada com uma6mnima margem de erro. Era7puro instinto. Hoje o mesmo feito requereria8complicados clculos de balstica, e eu provavelmente s acertaria a frente da minha camisa. Outra9habilidade perdida. Na verdade, deve-se revisar aquela antiga frase. vivendo e .................... . No falo daquelas13coisas que deixamos de fazer porque no temos mais as condies fsicas e a coragem de antigamente, como subir em bonde andando mesmo porque14no h mais bondes andando. Falo da sabedoria desperdiada, das10artes que nos abandonaram. Algumas at teis. Quem nunca desejou ainda ter o cuspe certeiro de garoto para acertar em algum alvo contemporneo, bem no olho, e depois sair correndo? Eu j. Lus F. Verssimo, Comdias para se ler na escola. A palavra que o cronista omite no ttulo, substituindo-a por reticncias, ele a emprega no ltimo pargrafo, na posio marcada como pontilhado. Tendo em vista o contexto, conclui-se que se trata da palavra

Questão
2013Física

(Fuvest 2013 1 fase) Uma flauta andina, ou flauta de p, constituda por uma srie de tubos de madeira, de comprimentos diferentes, atados uns aos outros por fios vegetais. As extremidades inferiores dos tubos so fechadas. A frequncia fundamental de ressonncia em tubos desse tipo corresponde ao comprimento de onda igual a 4 vezes o comprimento do tubo. Em uma dessas flautas, os comprimentos dos tubos correspondentes, respectivamente, s notas Mi (660 Hz) e L (220 Hz) so, aproximadamente,

Questão
2013Geografia

(FUVEST - 2011 - 2 fase) Os centros de inovao tecnolgica so exemplos de transformaes espaciais originados da chamada Terceira Revoluo Industrial. Com base no mapa e em seus conhecimentos, a) aponte duas caractersticas da Terceira Revoluo Industrial que favoreceram o aparecimento dos centros de inovao tecnolgica. Explique. b) identifique e caracterize o conjunto de centros de inovao tecnolgica destacado na poro sudoeste dos Estados Unidos.

Questão
2013Química

(FUVEST 2013 - 2 fase) Em uma reao de sntese, induzida por luz vermelha de frequncia f igual a 4,3x1014Hz, ocorreu a formao de 180 g de glicose. Determine a) o nmero N de mols de glicose produzido na reao; b) a energia E de um fton de luz vermelha; c) o nmero mnimo n de ftons de luz vermelha necessrio para a produo de 180 g de glicose; d) o volume V de oxignio produzido na reao (CNTP).

Questão
2013FísicaQuímica

(FUVEST - 2013)Em um recipiente termicamente isolado e mantido a presso constante, so colocados 138 g de etanol lquido. A seguir, o etanol aquecido e sua temperatura T medida como funo da quantidade de calor Q a ele transferida. A partir do grfico de TxQ, apresentado na figura abaixo, pode-se determinar o calor especfico molar para o estado lquido e o calor latente molar de vaporizao do etanol como sendo, respectivamente, prximos de

Questão
2013Física

(Fuvest 2013 1 fase) Compare as colises de uma bola de vlei e de uma bola de golfe com otrax de uma pessoa, parada e em p. A bola de vlei, com massa de 270 g, tem velocidadede 30 m/s quando atinge a pessoa, e a de golfe, com 45 g, tem velocidade de 60 m/s ao atingira mesma pessoa, nas mesmas condies. Considere ambas as colises totalmente inelsticas. correto apenas o que se afirma em: (Note e adote: a massa da pessoa muito maior que a massa das bolas; as colises sofrontais; o tempo de interao da bola de vlei com o trax da pessoa o dobro do tempo deinterao da bola de golfe; a rea mdia de contato da bola de vlei com o trax 10 vezesmaior que a rea mdia de contato da bola de golfe.)

Questão
2013Física

(Fuvest 2013 1 fase) No experimento descrito a seguir, dois corpos, feitos de um mesmo material, de densidade uniforme, um cilndrico e o outro com forma de paraleleppedo, so colocados dentro de uma caixa, como ilustra a figura (vista de cima). Um feixe fino de raios X, com intensidadeconstante, produzido pelo gerador G, atravessa a caixa e atinge o detector D, colocado do outro lado. Gerador e detector esto acoplados e podem mover-se sobre um trilho. O conjunto Gerador-Detector ento lentamente deslocado ao longo da direo x, registrando-se a intensidade da radiao no detector, em funo de x. A seguir, o conjunto Gerador-Detector reposicionado, e as medidas so repetidas ao longo da direo y. As intensidades I detectadas ao longo das direes x e y so mais bem representadas por

Questão
2013Biologia

(FUVEST - 2013) A lei 7678 de 1988 define que vinho a bebida obtida pela fermentaoalcolica do mosto simples de uva s, fresca e madura. Na produo de vinho, so utilizadasleveduras anaerbicas facultativas. Os pequenos produtores adicionam essas leveduras aomosto (uvas esmagadas, suco e cascas) com os tanques abertos, para que elas sereproduzam mais rapidamente. Posteriormente, os tanques so hermeticamente fechados. Nessas condies, pode-se afirmar, corretamente, que:

Questão
2013Física

(Fuvest 2013 2 fase) Um telefrico transporta turistas entre os picos A e B de dois morros. A altitude do pico A de 500m, a altitude do pico B de ͺ800me a distncia entre as retas verticais que passam por A e B de 900m. Na figura, T representa o telefrico em um momento de sua ascenso e xe yrepresentam, respectivamente, os deslocamentos horizontal e vertical do telefrico, em metros, at este momento. a) Qual o deslocamento horizontal do telefrico quando o seu deslocamento vertical igual a 20 m? b) Se o telefrico se desloca com velocidade constante de 1,5 m/s,quanto tempo o telefrico gasta para ir do pico A ao pico B?

Questão
2013Biologia

(FUVEST - 2013) Nos mamferos, o tamanho do corao proporcional ao tamanho do corpo e corresponde a aproximadamente 0,6% da massa corporal. O grfico abaixo mostra a relao entre a frequncia cardaca e a massa corporal de vrios mamferos. O quadro abaixo traz uma relao de mamferos e o resultado da pesagem de indivduos adultos. Animal Massa corporal (g) Cuca 30 Sagui 276 Gamb 1.420 Bugio 5.180 Capivara 37.300 Fauna silvestre Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, SP, 2007. Considerando esse conjunto de informaes, analise as afirmaes seguintes: I. No intervalo de um minuto, a cuca tem mais batimentos cardacos do que a capivara. II. A frequncia cardaca do gamb maior do que a do bugio e menor do que a do sagui. III. Animais com corao maior tm frequncia cardaca maior. Est correto apenas o que se afirma em

Questão
2013BiologiaPortuguês

(FUVEST - 2013) So Paulo gigante, torro adorado Estou abraado com meu violo Feito de pinheiro da mata selvagem Que enfeita a paisagem l do meu serto. Tonico e Tinoco, So Paulo Gigante. Nos versos da cano dos paulistas Tonico e Tinoco, o termo serto deve ser compreendido como

Questão
2013Física

(Fuvest 2013 1 fase) A extremidade de uma fibra tica adquire o formato arredondado de uma microlente ao ser aquecida por um laser, acima da temperatura de fuso. A figura abaixo ilustra o formato da microlente para tempos de aquecimento crescentes (t1 t2 t3). Considere as afirmaes: I. O raio de curvatura da microlente aumenta com tempos crescentes de aquecimento. II. A distncia focal da microlente diminui com tempos crescentes de aquecimento. III. Para os tempos de aquecimento apresentados na figura, a microlente convergente. Est correto apenas o que se afirma em

Questão
2013História

(Fuvest 2013) Durante os primeiros tempos de sua existncia, o PCB prosseguiu em seu processo de diferenciao ideolgica com o anarquismo, de onde provinha parte significativa de sua liderana e de sua militncia. Nesse curso, foi necessrio, no que se refere questo parlamentar, tambm proceder a uma homogeneizao de sua prpria militncia. Houve algumas tentativas de participao em eleies e de formulao de propostas a serem apresentadas sociedade que se revelaram infrutferas por questes conjunturais. A primeira vez em que isso ocorreu foi, em 1925, no municpio porturio paulista de Santos, onde os comunistas locais, apresentando-se pela legenda da Coligao Operria, tiveram um resultado pfio. No entanto, como todos os atos pioneiros, essa participao deixou uma importante herana: a presena na cena poltica brasileira dos trabalhadores e suas reivindicaes. Estas, em particular, expressavam um acmulo de anos de lutas do movimento operrio brasileiro. (Dainis Karepovs. A classe operria vai ao Parlamento. So Paulo: Alameda, 2006, p.169.) A partir do texto acima, pode-se afirmar corretamente que

Questão
2013Química

O nmero N de tomos de um istopo radioativo existente em uma amostra diminui com o tempo t, de acordo com a expresso , sendo o nmero de tomos deste istopo em t = 0 e a constante de decaimento. Abaixo, est apresentado o grfico do log10 N em funo de t, obtido em um estudo experimental do radiofrmaco Tecncio 99 metaestvel (), muito utilizado em diagnsticos do corao. A partir do grfico, determine a) o valor de ; b) o nmero de tomos radioativos de ; c) a meia-vida () do . Note e adote: A meia-vida () de um istopo radioativo o intervalo de tempo em que o nmero de tomos desse istopo existente em uma amostra cai para a metade.

NOVIDADES
Kuadro