Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

Questão 2
2012Inglês

(FUVEST 2012 2 Fase - 2 dia) Com base no texto, responda em portugus: a) Que mudanas ocorreram no incio do sculo XIX na indstria de notcias? b) Explicite a ironia histrica, provocada pelo advento da internet, no modo de distribuio atual das notcias.

Questão 2
2012Física

(FUVEST2012 - 2 FASE) Nina e Jos esto sentados em cadeiras, diametralmente opostas, de uma roda gigante que gira com velocidade angular constante. Num certo momento, Nina se encontra no ponto mais alto do percurso e Jos, no mais baixo; aps 15s, antes de a roda completar uma volta, suas posies esto invertidas. A roda gigante tem raio R = 20m e as massas de Nina e Jos so respectivamente,. Calcule a) o mdulo v da velocidade linear das cadeiras da roda gigante; b) o mdulo da acelerao radia de Nina e de Jos; c) Os mdulos e das foras normais que as cadeiras exercem, respectivamente, sobre Nina e sobre Jos no instante em que Nina se encontra no ponto mais alto do percurso e Jos, no mais baixo. NOTE E ADOTE = 3 Acelerao da gravidade g = 10m/s

Questão 2
2012Geografia

(FUVEST - 2012)Considere os mapas. Com base no mapa e em seus conhecimentos, écorreto afirmar que, tendo em vista as dinâmicasespaciais na cidade de São Paulo, os hotéis

Questão 2
2012Biologia

(FUVEST - 2020)(2 FASE)As figuras ao lado mostram os ciclos ovariano e uterino e as variaes dos hormnios hipofisrios relacionadas com esses ciclos, na mulher. Em cada figura, a representao dos eventos se inicia em tempos diferentes. As figuras esto reproduzidas na pgina de resposta. a) Nas linhas horizontais abaixo das figuras A e B, indique, com a letra M, o incio da menstruao. b) Na linha horizontal abaixo da figura C, indique, com a letra O, o momento da ovulao. c) Na gravidez, o que ocorre com a produo dos hormnios representados na figura C?

Questão 2
2012Química

(FUVEST 2012 - 2 fase) Um aluno efetuou um experimento para avaliar o calor envolvido na reao de um cido com uma base. Para isso, tomou 8 tubos de ensaio e a cada um deles adicionou 50 mL de uma mesma soluo aquosa de HCl e diferentes volumes de gua. Em seguida, acondicionou esses tubos em uma caixa de isopor, para minimizar trocas de calor com o ambiente. A cada um desses tubos, foram adaptados uma rolha e um termmetro para medir a temperatura mxima atingida pela respectiva soluo, aps o acrscimo rpido de volumes diferentes de uma mesma soluo aquosa de NaOH. O volume final da mistura, em cada tubo, foi sempre 100 mL. Os resultados do experimento so apresentados na tabela. a) Construa um grfico, no quadriculado apresentado na pgina de resposta, que mostre como a temperatura mxima varia em funo do volume de soluo aquosa de NaOH acrescentado. b) A reao do cido com a base libera ou absorve calor? Justifique sua resposta, considerando os dados da tabela. c) Calcule a concentrao, em mol L-1, da soluo aquosa de HCl, sabendo que a concentrao da soluo aquosa de NaOH utilizada era 2,0 mol L-1.

Questão 2
2012Português

(FUVEST 2012 - 2 fase) Leia com ateno o seguinte texto: A onipresena do olho mgico da televiso no centro da vida domstica dos brasileiros, com o poder (imaginrio) de tudo mostrar e tudo ver que os espectadores lhe atribuem, vem provocando curiosas alteraes nas relaes entre o pblico e o privado. Durante pelo menos dois sculos, o bom gosto burgus nos ensinou que algumas coisas no se dizem, no se mostram e no se fazem em pblico. Essas mesmas coisas, at ento reservadas ao espao da privacidade, hoje ocupam o centro da cena televisiva. No que o bom gosto burgus deva ser tomado como referncia indiscutvel da tica que regula a vida em qualquer sociedade. Mas a inverso de padres que pareciam to convenientemente estabelecidos nos pases do Ocidente d o que pensar. No mnimo, podemos concluir que a burguesia do terceiro milnio j no a mesma que ditou o bom comportamento dos dois sculos passados. No mximo, supe-se que os fundamentos do contrato que ordenava a vida social entre os sculos XIX e XX esto profundamente abalados, e j vivemos, sem nos dar conta, em uma sociedade ps-burguesa, num sentido semelhante ao do que chamamos uma sociedade ps-moderna. Maria R. Kehl, in Bucci e Kehl, Videologias: ensaios sobre televiso. a) O que a autora do texto quer dizer, quando se refere ao poder de tudo mostrar e tudo ver (L. 2), atribudo televiso, como imaginrio? b) Indique a palavra do primeiro perodo que tem o mesmo significado do prefixo que entra na formao da palavra onipresena (L. 1). c) Indique uma palavra ou expresso do texto que corresponda ao sentido da palavra tica (L. 7).

Questão 2
2012Geografia

(FUVEST2012 - 2 FASE) Considere a tabela, que traz dados sobre o equilbrio federativo brasileiro. Com base na tabela e em seus conhecimentos, a) analise a representatividade poltico-espacial no Brasil; b) identifique uma consequncia da criao de um novo estado para o equilbrio federativo brasileiro. Explique.

Questão 2
2012História

Nos tempos de So Lus [Lus IX], as hordas que surgiam do leste provocaram terror e angstia no mundo cristo. O medo do estrangeiro oprimia novamente as populaes. No entanto, a Europa soubera digerir e integrar os saqueadores normandos. Essas invases tinham tornado menos claras as fronteiras entre o mundo pago e a cristandade e estimulado o crescimento econmico. A Europa, ento terra juvenil, em plena expanso, estendeu-se aos quatro pontos cardeais, alimentando-se, com voracidade, das culturas exteriores. Uma situao muito diferente da de hoje, em que o Velho Continente se entrincheira contra a misria do mundo para preservar suas riquezas. Georges Duby. Ano 1000 ano 2000. Na pista de nossos medos. So Paulo: Unesp, 1998, p. 50-51. Adaptado. a) Justifique a afirmao do autor de que essas invases tinham (...) estimulado o crescimento econmico da Europa crist. b) Cite um caso do atual entrincheiramento europeu e explique, em que sentido, a Europa quer preservar suas riquezas.

Questão 3
2012Geografia

(Fuvest - 2012) Ainda no comeo do sculo 20, Euclides da Cunha, em pequeno estudo, discorria sobre os meios de sujeio dos trabalhadores nos seringais da Amaznia, no chamado regime de peonagem, a escravido por dvida. Algo prximo do que foi constatado em So Paulo nestes dias [agosto de 2011] envolvendo duas oficinas terceirizadas de produo de vesturio. Jos de Souza Martins, 2011. Adaptado. No texto acima, o autor faz meno presena de regime de trabalho anlogo escravido, na indstria de bens

Questão 3
2012Matemática

(FUVEST 2012) a) Dez meninas e seis meninos participaro de um torneio de tnis infantil. De quantas maneiras distintas essas 16 crianas podem ser separadas nos grupos A, B, Ce D, cada um deles com 4 jogadores, sabendo que os grupos Ae Csero formados apenas por meninas e o grupo B, apenas por meninos? b) Acontecida a fase inicial do torneio, a fase semifinal ter os jogos entre Maria e Joo e entre Marta e Jos. Os vencedores de cada um dos jogos faro a final. Dado que a probabilidade de um menino ganhar de uma menina 3/5, calcule a probabilidade de uma menina vencer o torneio.

Questão 3
2012Química

(FUVEST 2012 - 2 fase) Peptdeos so formados por sequncias de aminocidos, como exemplificado para o peptdeo a seguir: Para identificar os dois primeiros aminocidos desse peptdeo e tambm a sequncia de tais aminocidos, foram efetuadas duas reaes qumicas. Na primeira reao, formaram-se uma hidantona e um novo peptdeo com um aminocido a menos. Esse novo peptdeo foi submetido a uma segunda reao, anloga anterior, gerando outra hidantona e outro peptdeo: O mesmo tipo de reao foi utilizado para determinar a sequncia de aminocidos em um outro peptdeo de frmula desconhecida, que formado por apenas trs aminocidos. Para tanto, trs reaes foram realizadas, formando-se trs hidantonas, na ordem indicada na pgina de resposta. Preencha a tabela da pgina de resposta, escrevendo a) as frmulas dos trs aminocidos que correspondem s trs respectivas hidantonas formadas; b) a frmula estrutural do peptdeo desconhecido formado pelos trs aminocidos do item a).

Questão 3
2012História

(FUVEST - 2020)(2 FASE) A formao histrica do atual Estado do Rio Grande do Sul est intrinsecamente relacionada questo fronteiria existente entre os domnios das duas coroas Ibricas na Amrica meridional. Desde o sculo XVIII, esta regio foi cenrio de constantes disputas territoriais entre diferentes agentes sociais. Atritos que no estiveram restritos apenas s lutas travadas entre luso-brasileiros e hispano-americanos pelo domnio do Continente do Rio Grande. Eduardo Santos Neumann, A fronteira tripartida, Luiz Alberto Grij (e outros). Captulos de Histria do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2004, p. 25. Adaptado. a) Caracterize a questo fronteiria, mencionada no texto acima. b) Quais so as principais diferenas e semelhanas entre a organizao socioeconmica do Rio Grande colonial e a de regies aucareiras, como Bahia e Pernambuco, na mesma poca?

Questão 3
2012Português

(FUVEST 2012 - 2 fase) Leia a seguinte mensagem publicitria, referente a carros, e responda ao que se pede: POTNCIA, ROBUSTEZ E TRAO 4WD. PORQUE TEM LUGARES QUE S COM ESPRITO DE AVENTURA VOC NO CHEGA. a) A mensagem est redigida de acordo com a norma padro da lngua escrita? Se voc julga que sim, justifique; se acha que no, reescreva o texto, adaptando-o referida norma. b) Se a palavra s fosse excluda do texto, o sentido seria alterado? Justifique sua resposta.

Questão 3
2012HistóriaPortuguês

(FUVEST - 2020)(2 FASE) Examine estas imagens, que reproduzem, em preto e branco, dois quadros da pintura brasileira. a) Identifique o movimento artstico a que elas pertencem e aponte uma caracterstica de sua proposta esttica. b) Cite e caracterize um evento brasileiro importante relacionado a esse movimento.

Questão 3
2012Física

(FUVEST2012 - 2 FASE) A figura ao lado representa, de forma esquemtica, a instalao eltrica de uma residncia, com circuitos de tomadas de uso geral e circuito especfico para um chuveiro eltrico. Nessa residncia, os seguintes equipamentos permaneceram ligados durante 3 horas a tomadas de uso geral, conforme o esquema da figura: um aquecedor eltrico (Aq) de 990 W, um ferro de passar roupas de 980 W e duas lmpadas, L1 e L2, de 60 W cada uma. Nesse perodo, alm desses equipamentos, um chuveiro eltrico de 4400 W, ligado ao circuito especfico, como indicado na figura, funcionou durante 12 minutos. Para essas condies, determine a) a energia total, em kWh, consumida durante esse perodo de 3 horas; b) a corrente eltrica que percorre cada um dos fios fase, no circuito primrio do quadro de distribuio, com todos os equipamentos, inclusive o chuveiro, ligados; c) a corrente eltrica que percorre o condutor neutro, no circuito primrio do quadro de distribuio, com todos os equipamentos, inclusive o chuveiro, ligados. NOTE A ADOTE A tenso entre fase e neutro 110 V e, entre as fases, 220 V. Ignorar perdas dissipativas nos fios. O smbolorepresenta o ponto de ligao entre dois fios.