Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão
2017Biologia

(FUVEST 2017)O esquema representa, de maneira simplificada, a circulação sanguínea em peixes. Pode-se afirmar corretamente que, nos peixes

Questão
2017Física

(Fuvest 2017 1 fase)Na estratosfera, h um ciclo constante de criao e destruio do oznio. A equao que representa a destruio do oznio pela ao da luz ultravioleta solar (UV) O3O2 + O O grfico representa a energia potencial de ligao entre um dos tomos de oxignio que constitui a molcula de O3 e os outros dois, como funo da distncia de separao r. A frequncia dos ftons da luz ultravioleta que corresponde energia de quebra de uma ligao da molcula de oznio para formar uma molcula de O2 e um tomo de oxignio , aproximadamente,

Questão
2017Química

(FUVEST- 2017)Clulas a combustvel so opes viveis para gerar energia eltrica para motores e outros dispositivos. O esquema representa uma dessas clulas e as transformaes que nela ocorrem. A corrente eltrica (i), em ampre (coulomb por segundo), gerada por uma clula a combustvel que opera por 10 minutos e libera 4,80 kJ de energia durante esse perodo de tempo,

Questão
2017Biologia

(FUVEST 2017)Recentemente, pesquisadores descobriram, no Brasil, uma larva de mosca que se alimenta das presas capturadas por uma planta carnívora chamada drósera. Essa planta, além do nitrogênio do solo, aproveita o nitrogênio proveniente das presas para a síntese proteica; já a síntese de carboidratos ocorre como nas demais plantas. As larvas da mosca, por sua vez, alimentam-se dessas mesmas presas para obtenção da energia necessária a seus processos vitais. Com base nessas informações, é correto afirmar que a drósera

Questão
2017Biologia

(FUVEST 2017)O DNA extranuclear (ou seja, de organelas citoplasmáticas) foi obtido de células somáticas de três organismos: uma planta, um fungo e um animal. Na tabela, qual das alternativas cita corretamente a procedência do DNA extranuclear obtido desses organismos?

Questão
2017Química

(FUVEST- 2017)Um estudante realizou um experimento para avaliar a reatividade dos metais Pb, Zn e Fe. Para isso, mergulhou, em separado, uma pequena placa de cada um desses metais em cada uma das solues aquosas dos nitratos de chumbo, de zinco e de ferro. Com suas observaes, elaborou a seguinte tabela, em que (sim) significa formao de slido sobre a placa e (no) significa nenhuma evidncia dessa formao: A seguir, montou trs diferentes pilhas galvnicas, conforme esquematizado. Nessas trs montagens, o contedo do bquer I era uma soluo aquosa de CuSO4 de mesma concentrao, e essa soluo era renovada na construo de cada pilha. O eletrodo onde ocorria a reduo (ganho de eltrons) era o formado pela placa de cobre mergulhada em CuSO4 (aq). Em cada uma das trs pilhas, o estudante utilizou, no bquer II, uma placa de um dos metais X (Pb, Zn ou Fe), mergulhada na soluo aquosa de seu respectivo nitrato. O estudante mediu a fora eletromotriz das pilhas, obtendo os valores: 0,44 V; 0,75 V e 1,07 V. A atribuio correta desses valores de fora eletromotriz a cada uma das pilhas, de acordo com a reatividade dos metais testados, deve ser:

Questão
2017Física

(Fuvest 20171 fase)No incio do sculo XX, Pierre Curie e colaboradores, em uma experincia para determinar caractersticas do recm descoberto elemento qumico rdio, colocaram uma pequena quantidade desse material em um calormetro e verificaram que 1,30 grama de gua lquida ia do ponto de congelamento ao ponto de ebulio em uma hora. A potncia mdia liberada pelo rdio nesse perodo de tempo foi, aproximadamente,

Questão
2017FísicaQuímica

(FUVEST- 2017)Reatores nucleares no so exclusivamente criaes humanas. No perodo pr-cambriano, funcionou na regio de Oklo, frica, durante centenas de milhares de anos, um reator nuclear natural, tendo como combustvel um istopo do urnio. Para que tal reator nuclear natural pudesse funcionar, seria necessrio que a razo entre a quantidade do istopo fssil (235U) e a do urnio 238U fosse cerca de 3%. Esse o enriquecimento utilizado na maioria dos reatores nucleares, refrigerados a gua, desenvolvidos pelo homem. O 235U decai mais rapidamente que o 238U; na Terra, atualmente, a frao do istopo 235U, em relao ao 238U, cerca de 0,7%. Com base nessas informaes e nos dados fornecidos, pode-se estimar que o reator natural tenha estado em operao h

Questão
2017Física

(Fuvest 20171 fase)Helena, cuja massa 50 kg, pratica o esporte radical bungee jumping. Em um treino, ela se solta da beirada de um viaduto, com velocidade inicial nula, presa a uma faixa elstica de comprimento natural L0 = 15 m e constante elstica k = 250 N/m. Quando a faixa est esticada 10 m alm de seu comprimento natural, o mdulo da velocidade de Helena

Questão
2017Física

(Fuvest 2017 1 fase)Um objeto metlico, X, eletricamente isolado, tem carga negativa 5,0 . 1012 C. Um segundo objeto metlico, Y, neutro, mantido em contato com a Terra, aproximado do primeiro e ocorre uma fasca entre ambos, sem que eles se toquem. A durao da fasca 0,5 s e sua intensidade 1011 A. No final desse processo, as cargas eltricas totais dos objetos X e Y so, respectivamente,

Questão
2017Física

(Fuvest 20171 fase) Objetos em queda sofrem os efeitos da resistncia do ar, a qual exerce uma fora que se ope ao movimento desses objetos, de tal modo que, aps um certo tempo, eles passam a se mover com velocidade constante. Para uma partcula de poeira no ar, caindo verticalmente, essa fora pode ser aproximada porsendoa velocidade da partcula de poeira e b uma constante positiva.O grfico mostra o comportamento do mdulo da fora resultante sobre a partcula, FR, como funo de v, o mdulo de. O valor da constante b, em unidades de N.s/m,

Questão
2017Biologia

(FUVEST 2017)Assinale a alternativa que ordena corretamente três novidades evolutivas, de acordo com o seu surgimento no processo de evolução das plantas terrestres.

Questão
2017Química

(FUVEST- 2017) Em uma aula experimental, dois grupos de alunos (G1 e G2) utilizaram dois procedimentos diferentes para estudar a velocidade da reao de carbonato de clcio com excesso de cido clordrico. As condies de temperatura e presso eram as mesmas nos dois procedimentos e, em cada um deles, os estudantes empregaram a mesma massa inicial de carbonato de clcio e o mesmo volume de soluo de cido clordrico de mesma concentrao. O grupo G1 acompanhou a transformao ao longo do tempo, realizada em um sistema aberto, determinando a variao de massa desse sistema (Figura 1 e Tabela). O grupo G2 acompanhou essa reao ao longo do tempo, porm determinando o volume de dixido de carbono recolhido (Figura 2). Comparando os dois experimentos, os volumes aproximados de CO2, em litros, recolhidos pelo grupo G2aps 60, 180 e 240 segundos devem ter sido, respectivamente Note e adote: - massa molar do CO2: 44 g mol; - volume molar do CO2: 24 L mol; - desconsidere a solubilidade do CO2 em gua.,

Questão
2017Biologia

(FUVEST 2017) Nos heredogramas apresentados nas alternativas, ocorrem pessoas que têm alterações na formação do esmalte dos dentes ( e ). Os heredogramas em que as alterações do esmalte dos dentes têm herança ligada ao cromossomo X, dominante e recessiva, estão representados, respectivamente, em

Questão
2017Química

(FUVEST 2017 - 2 fase)O biogs, produzido por digesto anaerbia de resduos orgnicos, contm principalmente metano e dixido de carbono, alm de outros gases em pequenas quantidades, como o caso do sulfeto de hidrognio. Para que o biogs seja utilizado como combustvel, necessrio purificlo, aumentando o teor de metano e eliminando os demais componentes, que diminuem o seu poder calorfico e causam danos s tubulaes. Considere uma amostra de biogs cuja composio, em massa, seja 64,0 % de metano (CH4), 32,0 % de dixido de carbono (CO2) e 4,0 % de sulfeto de hidrognio (H2S). a) Calcule a energia liberada na combusto de um quilograma dessa amostra de biogs. b) Calcule o ganho de energia, por quilograma, se for utilizado biogs totalmente isento de impurezas, em lugar da amostra que contm os outros gases. c) Alm de aumentar o poder calorfico, a purificao do biogs representa uma diminuio do dano ambiental provocado pela combusto. Explique por qu. d) Em aterros sanitrios, ocorre a formao de biogs, que pode ser recolhido. Em um aterro sanitrio, tubos foram introduzidos para captao dos gases em duas diferentes profundidades, como mostrado na figura. Em qual dos tubos, A ou B, recolhido biogs com maior poder calorfico? Explique.

NOVIDADES
Kuadro