Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão 44
2007História

(FUVEST - 2007 - 1a fase)A inaugurao de Braslia, depois de sua rpida construo durante o governo de Juscelino Kubitschek (1956 1961), trouxe desdobramentos diversos para o pas. Entre eles,

Questão 45
2007História

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Num processo em que era acusado e a multido ateniense atuava como juiz, Demstenes [orador poltico, 384-322 a.C.] jogou na cara do adversrio [tambm um orador poltico] as seguintes crticas: Sou melhor que squines e mais bem nascido; no gostaria de dar a impresso de insultar a pobreza, mas devo dizer que meu quinho foi, quando criana, frequentar boas escolas e ter bastante fortuna para que a necessidade no me obrigasse a trabalhos vergonhosos. Tu, squines, foi teu destino, quando criana, varrer como um escravo a sala de aula onde teu pai lecionava. Demstenes ganhou triunfalmente o processo. Paul Veyne, Histria da Vida Privada, I, 1992. A fala de Demstenes expressa a

Questão 46
2007História

(FUVEST - 2007 - 1a fase)Os cristos fazem os muulmanos pagar uma taxa que aplicada sem abusos. Os comerciantes cristos, por sua vez, pagam direitos sobre suas mercadorias quando atravessam o territrio dos muulmanos. O entendimento entre eles perfeito e a eqidade respeitada. Ibn Jobair, em visita a Damasco, Sria, 1184. In: Amin Maalouf, 1988. Com base no texto, pode-se afirmar que, na Idade Mdia,

Questão 47
2007História

(FUVEST - 2007 - 1a fase)No final do sculo XIX, a Europa Ocidental torna-se teatro de atentados contra as pessoas e contra os bens. Sem poupar os pases do Norte... esta agitao afeta mais a Frana, a Blgica e os Estados do Sul... Na Itlia e na Espanha, provoca ou sustenta revoltas camponesas. Numerosos e espetaculares atentados so cometidos contra soberanos e chefes de governo. R. Schnerb, O Sculo XIX, 1969. O texto trata das aes empreendidas, em geral, por

Questão 48
2007História

(FUVEST - 2007 - 1a fase)Das trs seguintes formulaes primeiro, a de Coprnico, a terra no o centro do mundo, depois a de Darwin, no nascemos de Deus mas viemos do macaco, e, por ltimo, a de Freud, no somos senhores de nossa prpria conscincia pode-se dizer que

Questão 49
2007História

(FUVEST - 2007 - 1a fase)A imprensa, que sempre esteve alinhada s grandes causas da cidadania, est convicta de que o prximo passo para a consolidao da democracia em nosso pas passa pelo restabelecimento imediato da ordem pblica. Manifesto Basta Violncia, de 16/08/06, das associaes de jornais, de editores de revistas e das emissoras de rdio e televiso. Com base no texto, pode-se afirmar que, no Brasil, como de resto no Ocidente, as grandes causas da cidadania e a consolidao da democracia

Questão 50
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) O mapa acima representa as reas de cobertura dos satlites utilizados pela CNN, uma das principais redes mundiais de comunicao. Com auxlio do mapa, possvel afirmar que as grandes redes de comunicao

Questão 51
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) A importncia geopoltica do Canal do Panam e o crescente fluxo de embarcaes entre o Oceano Atlntico e o Oceano Pacfico exigem melhorias na infra-estrutura desse canal. Assim, a responsabilidade por essas melhorias caber

Questão 52
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Considere as seguintes afirmaes sobre a frica Sub-Saariana. I. Um dos motivos que justificam os conflitos violentos, nessa parte do continente, o da necessidade de controle dos recursos minerais a abundantes. II. A violncia e a impunidade a presentes representam desrespeito Declarao dos Direitos Humanos e s Leis Internacionais sobre Refugiados. III. A assistncia ao desenvolvimento dos pases que a compem foi incrementada em 40% pelos pases ricos, entre os anos 1990-1999. IV. A frica Sub-Saariana vem sofrendo limitaes no desenvolvimento de sua produo local, devido ao fato de estar fora das prioridades dos mercados mundiais. Est correto apenas o que se afirma em

Questão 53
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) As geleiras da foto podem ser utilizadas como indicadores da tendncia de aumento das temperaturas globais, pois

Questão 54
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase)Desde a dcada de 1990, o Brasil vem incrementando a importncia do gs natural na matriz energtica nacional, abrindo-se, a partir da, a possibilidade de integrao econmica com pases vizinhos. A prova disto est

Questão 55
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Observe os mapas. A correspondncia existente entre as reas dos principais estoques subterrneos de gua e as reas de bacias sedimentares pode ser explicada, dentre outros, pelo fato de

Questão 56
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Fonte: Ross, Ecogeografia do Brasil, 2006. As reas assinaladas representam conjuntos de municpios brasileiros, que so os maiores

Questão 57
2007Geografia

(FUVEST - 2007 - 1a fase) Porque todos os crregos aqui so misteriosos - somem-se solo a dentro,de repente, em fendas de calcrio, viajando, ora lguas, nos leitos subterrneos, e apontando,muito adiante, num arroto ou numa cascata de rasgo.... Joo Guimares Rosa, Sagarana, 2001. Neste trecho, o autor

Questão 58
2007Geografia

(Fuvest 2007) Analise o mapa e as frases sobre o sistema eltrico. Fonte: Thry Mello, Atlas do Brasil, 2005. I. No Brasil, apesar de a maior parte da produo de energia eltrica ser originria de hidreltricas, cerca de metade de seu territrio utiliza, predominantemente, energia produzida por termeltricas. II. O Brasil apresenta vastas reas ainda no interligadas ao sistema eltrico, pois a tecnologia para se transportar energia entre grandes distncias ainda pouco conhecida no pas. III. O aproveitamento hidreltrico est prximo de seu limite nas principais regies consumidoras do Brasil, o que fez aumentar, a cada ano da ltima dcada, a gerao de energia eltrica por fontes alternativas, como a nuclear e a de carvo. Est correto o que se afirma em

NOVIDADES
Kuadro