Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
IME
ENEM
FUVEST
UNICAMP
UNESP
ESPCEX
AFA
Questão 80
2013Português

(FUVEST 2013) Ata            Acredito que o mau tempo haja concorrido para que os sabadoyleanos* hoje não estivessem na casa de José Mindlin, em São Paulo, gozando das delícias do cuscuz paulista aqui amavelmente prometido. Depois do almoço, visita aos livros dialogantes, na expressão de Drummond, não sabemos se no rigoroso sistema de vigilância de Plínio Doyle, mas de qualquer forma com as gentilezas das reuniões cariocas. Para o amigo de São Paulo as saudações afetuosas dos ausentespresentes, que neste instante todos nos voltamos para o seu palácio, aquele que se iria desvestir dos ares aristocráticos para receber camaradescamente os descamisados da Rua Barão de Jaguaribe.           Guarde, amigo Mindlin, para breve o cuscuz da tradição bandeirante, que hoje nos conformamos com os biscoitos à la Plínio Doyle. Rio, 20-11-1976. Signatários: Carlos Drummond de Andrade, Gilberto de Mendonça Teles, Plínio Doyle e outros.   Cartas da biblioteca Guita e José Mindlin. Adaptado. * “sabadoyleanos”: frequentadores do s abadoyle, nome dado ao encontro de intelectuais, especialmente escritores, realizado habitualmente aos sábados, na casa do bibliófilo Plínio Doyle, situada no Rio de Janeiro.    As expressões “ares aristocráticos” e “descamisados” relacionam-se, respectivamente,

Questão 81
2013Português

(FUVEST 2013) Leia o seguinte texto. O autor pensava estar romanceando o processo brasileiro de guerra e acomodação entre as raças, em conformidade com as teorias racistas da época, mas, na verdade, conduzido pela lógica da ficção, mostrava um processo primitivo de exploração econômica e formação de classes, que se encaminhava de um modo passavelmente bárbaro e desmentia as ilusões do romancista. Roberto Schwarz. Adaptado. Esse texto crítico refere-se ao livro

Questão 82
2013Português

(FUVEST 2013) Em quatro das alternativas abaixo, registram-se alguns dos aspectos que, para bem caracterizar o gnero e o estilo das Memrias pstumas de Brs Cubas, o crtico J. G. Merquior ps em relevo nessa obra de Machado de Assis. A nica alternativa que, invertendo, alis, o juzo do mencionado crtico, aponta uma caracterstica que NO se aplica obra em questo

Questão 83
2013HistóriaPortuguês

(FUVEST 2013) Os momentos histricos em que se desenvolvem os enredos de Viagens na minha terra, Memrias de um sargento de milcias e Memrias pstumas de Brs Cubas (quanto a este ltimo, em particular no que se refere primeira juventude do narrador) so, todos, determinados de modo decisivo por um antecedente histrico comum menos ou mais imediato, conforme o caso. Trata-se da

Questão 84
2013Português

(FUVEST 2013) Morro da Babilnia noite, do morro descem vozes que criam o terror (terror urbano, cinquenta por cento de cinema, e o resto que veio de Luanda ou se perdeu na lngua geral). Quando houve revoluo, os soldados se espalharam no morro, o quartel pegou fogo, eles no voltaram. Alguns, chumbados, morreram. O morro ficou mais encantado. Mas as vozes do morro no so propriamente lgubres. H mesmo um cavaquinho bem afinado que domina os rudos da pedra e da folhagem e desce at ns, modesto e recreativo, como uma gentileza do morro. Carlos Drummond de Andrade, Sentimento do mundo. Leia as seguintes afirmaes sobre o poema de Drummond, considerado no contexto do livro a que pertence: I. No conjunto formado pelos poemas do livro, a referncia ao Morro da Babilnia feita no ttulo do texto mais as menes ao Leblon e ao Mier, a Copacabana, a So Cristvo e ao Mangue, presentes em outros poemas , sendo todas, ao mesmo tempo, espaciais e de classe, constituem uma espcie de discreta topografia social do Rio de Janeiro. II. Nesse poema, assim como ocorre em outros textos do livro, a ateno vida presente abre-se tambm para a dimenso do passado, seja ele dado no registro da histria ou da memria. III. A meno ao cavaquinho bem afinado, ao cabo do poema, revela ter sido nesse livro que o poeta finalmente assumiu as canes da msica popular brasileira como o modelo definitivo de sua lrica, superando, assim, seu antigo vnculo com a poesia de matriz culta ou erudita. Est correto o que se afirma em

Questão 85
2013Português

(FUVEST 2013) Morro da Babilônia À noite, do morro descem vozes que criam o terror (terror urbano, cinquenta por cento de cinema, e o resto que veio de Luanda ou se perdeu na língua [geral). Quando houve revolução, os soldados se espalharam [no morro, o quartel pegou fogo, eles não voltaram. Alguns, chumbados, morreram. O morro ficou mais encantado. Mas as vozes do morro não são propriamente lúgubres. Há mesmo um cavaquinho bem afinado que domina os ruídos da pedra e da folhagem e desce até nós, modesto e recreativo, como uma gentileza do morro. Carlos Drummond de Andrade, Sentimento do mundo. Guardadas as diferenças que separam as obras a seguir comparadas, as tensões a que remete o poema de Drummond derivam de um conflito de

Questão 86
2013Inglês

(FUVEST 2013) Time was, advertising was a relatively simple undertaking: buy some print space and airtime, create the spots, and blast them at a captive audience. Todayits chaos: while passive viewers still exist, mostly we pick and choose what to consume, ignoring ads with a touch of the DVR remote. Ads are forced to become more like content, and the best aim to engage consumers so much that they pass the material on to friends by email, Twitter, Facebook who will pass it on to friends, who will you get the picture. In the industry, viral has become a usefully vague way to describe any campaign that spreads from person to person, acquiring its own momentum. Its not that online advertising has eclipsed TV, but it has become its full partner and in many ways the more substantive one, a medium in which the audience must be earned, not simply bought. Newsweek, March 26 April 2, 2012. Adaptado De acordo com o texto, a indústria publicitária

Questão 87
2013Inglês

(FUVEST 2013) Time was, advertising was a relatively simple undertaking: buy some print space and airtime, create the spots, and blast them at a captive audience. Todayits chaos: while passive viewers still exist, mostly we pick and choose what to consume, ignoring ads with a touch of the DVR remote. Ads are forced to become more like content, and the best aim to engage consumers so much that they pass the material on to friends by email, Twitter, Facebook who will pass it on to friends, who will you get the picture. In the industry, viral has become a usefully vague way to describe any campaign that spreads from person to person, acquiring its own momentum. Its not that online advertising has eclipsed TV, but it has become its full partner and in many ways the more substantive one, a medium in which the audience must be earned, not simply bought. Newsweek, March 26 April 2, 2012. Adaptado No texto, a palavra viral refere-se a

Questão 88
2013Inglês

(FUVEST 2013) Time was, advertising was a relatively simple undertaking: buy some print space and airtime, create the spots, and blast them at a captive audience. Todayits chaos: while passive viewers still exist, mostly we pick and choose what to consume, ignoring ads with a touch of the DVR remote. Ads are forced to become more like content, and the best aim to engage consumers so much that they pass the material on to friends by email, Twitter, Facebook who will pass it on to friends, who will you get the picture. In the industry, viral has become a usefully vague way to describe any campaign that spreads from person to person, acquiring its own momentum. Its not that online advertising has eclipsed TV, but it has become its full partner and in many ways the more substantive one, a medium in which the audience must be earned, not simply bought. Newsweek, March 26 April 2, 2012. Adaptado Afirma-se, no texto, que, diferentemente da TV, na publicidade online a audiência tem de ser

Questão 89
2013Inglês

(FUVEST 2013) Missing Out: In Praise of the Unlived Life is Adam Phillipss 17th book and is a characteristic blend of literary criticism and philosophical reflection packaged around a central idea. The theme here is missed opportunities, roads not taken, alternative versions of our lives and ourselves, all of which, Phillips argues, exert a powerful hold over our imaginations. Using a series of examples and close readings of authors including Philip Larkin and Shakespeare, the booksuggests that a broader understanding of lifes inevitable disappointments and thwarted desires can enable us to live fuller, richer lives. Good things come to those who wait. Does he see himself as a champion of frustration? Im not on the side of frustration exactly, so much as the idea that one has to be able to bear frustration in order for satisfaction to be realistic. Im interested in how the culture of consumer capitalism depends on the idea that we cant bear frustration, so that every time we feel a bit restless or bored or irritable, we eat, or we shop. guardian.co.uk, 1 June 2012. Adaptado. Segundo o texto, o livro Missing Out: In Praise of the Unlived Life sugere que

Questão 90
2013Inglês

(FUVEST 2013) Missing Out: In Praise of the Unlived Life is Adam Phillipss 17th book and is a characteristic blend of literary criticism and philosophical reflection packaged around a central idea. The theme here is missed opportunities, roads not taken, alternative versions of our lives and ourselves, all of which, Phillips argues, exert a powerful hold over our imaginations. Using a series of examples and close readings of authors including Philip Larkin and Shakespeare, the booksuggests that a broader understanding of lifes inevitable disappointments and thwarted desires can enable us to live fuller, richer lives. Good things come to those who wait. Does he see himself as a champion of frustration? Im not on the side of frustration exactly, so much as the idea that one has to be able to bear frustration in order for satisfaction to be realistic. Im interested in how the culture of consumer capitalism depends on the idea that we cant bear frustration, so that every time we feel a bit restless or bored or irritable, we eat, or we shop. guardian.co.uk, 1 June 2012. Adaptado. No texto, em resposta à pergunta Does he see himself as a champion of frustration?, o autor do livro argumenta ser necessário que as pessoas

Questão
2013Química

A transformao representada pela equao qumica foi efetuada em condies de temperatura e presso tais que o volume molar do (g) era de 22 L/mol. Se x o nmero de mols de , gastos na reao, e V o volume, medido em litros, de (g) gerado pela reao, obtenha a) V como funo de x; b) a quantidade, em mols, de que sero gastos para produzir 440 L de (g).

Questão
2013Física

(Fuvest 2013 1 fase) Uma flauta andina, ou flauta de p, constituda por uma srie de tubos de madeira, de comprimentos diferentes, atados uns aos outros por fios vegetais. As extremidades inferiores dos tubos so fechadas. A frequncia fundamental de ressonncia em tubos desse tipo corresponde ao comprimento de onda igual a 4 vezes o comprimento do tubo. Em uma dessas flautas, os comprimentos dos tubos correspondentes, respectivamente, s notas Mi (660 Hz) e L (220 Hz) so, aproximadamente,

Questão
2013BiologiaQuímica

(FUVEST 2013 - 2 fase)Observe a imagem, que apresenta uma situao de intensa poluio do ar que danifica veculos, edifcios, monumentos, vegetao e acarreta transtornos ainda maiores para a populao. Trata-se de chuvas com poluentes cidos ou corrosivos produzidos por reaes qumicas na atmosfera. Com base na figura e em seus conhecimentos, a) identifique, em A, dois xidos que se destacam e, em B, os cidos que geram a chuva cida, originados na transformao qumica desses xidos. Responda no quadro da pgina de respostas. b) explique duas medidas adotadas pelo poder pblico para minimizar o problema da poluio atmosfrica na cidade de So Paulo.

Questão
2013QuímicaGeografia

(FUVEST 2013 -2 fase) A matriz energtica brasileira constituda, principalmente, por usinas hidreltricas, termeltricas, nucleares e elicas, e tambm por combustveis fsseis (por exemplo, petrleo, gasolina e leo diesel) e combustveis renovveis (por exemplo, etanol e biodiesel). a) Para cada tipo de usina da tabela abaixo, assinale no mapa seguinte, utilizando o smbolo correspondente, um estado, ou a divisa de estados limtrofes, em que tal usina pode ser encontrada. A entalpia de combusto do metano gasoso, principal componente do gs natural, corrigida para 25C, 213 kcal/mol e a do etanol lquido, mesma temperatura, 327 kcal/mol. b) Calcule a energia liberada na combusto de um grama de metano e na combusto de um grama de etanol. Com base nesses valores, qual dos combustveis mais vantajoso sob o ponto de vista energtico? Justifique. Dados: Massa molar(g/mol): CH4=16; C2H6O=46.

NOVIDADES
Kuadro