Gabarito FUVEST - Provas Anteriores

ITA
ITA
IME
IME
ENEM
ENEM
FUVEST
FUVEST
UNICAMP
UNICAMP
UNESP
UNESP
ESPCEX
ESPCEX
AFA
AFA
Questão 7
2008História

(FUVEST 2008)A vitria do regime republicano no Brasil (1889) e a conseqente derrubada da monarquia podem ser explicadas, levando-se em conta diversos fatores. Entre eles, explique a) a importncia do Partido Republicano. b) o papel dos militares apoiados nas idias positivistas.

Questão 7
2008Matemática

(FUVEST - 2008)Em um jogo entre Pedro e Jos, cada um deles lana, em cada rodada, um mesmo dado honesto uma nica vez. O dado cbico, e cada uma de suas 6 faces estampa um nico algarismo de maneira que todos os algarismos de 1 a 6 estejam representados nas faces do dado. Um participante vence, em uma certa rodada, se a diferena entre seus pontos e os pontos de seu adversrio for, no mnimo, de duas unidades. Se nenhum dos participantes vencer, passa-se a uma nova rodada. Dessa forma, determine a probabilidade de a) Pedro vencer na primeira rodada. b) nenhum dos dois participantes vencer na primeira rodada. c) um dos participantes vencer at a quarta rodada.

Questão 7
2008Geografia

(FUVEST - 2008 - 1 FASE) O vulcanismo um dos processos da dinmica terrestre que sempre encantou e amedrontou a humanidade, existindo diversos registros histricos referentes a esse processo. Sabe-se que as atividades vulcnicas trazem novos materiais para locais prximos superfcie terrestre. A esse respeito, pode-se afirmar corretamente que o vulcanismo

Questão 8
2008Geografia

(FUVEST - 2008 - 2fase) a) Identifique as obras 1 e 2, representadas no mapa, considerando o contexto do atual planejamento brasileiro de infra-estrutura. b) Cite e explique dois possveis impactos causados pela presena dessas obras, sendo um ambiental, em relao ao rio Madeira, e outro socioeconmico, referente ao ncleo urbano de Porto Velho. c) Cite um motivo pelo qual a Bolvia solicitou, do governo brasileiro, maiores informaes sobre tais obras.

Questão 8
2008Matemática

(FUVEST - 2008) Um poste vertical tem base quadrada de lado 2. Uma corda de comprimento 5 est esticada e presa a um ponto P do poste, situado altura 3 do solo e distando 1 da aresta lateral. A extremidade livre A da corda est no solo, conforme indicado na figura. A corda ento enrolada ao longo das faces 1 e 2, mantendo-se esticada e com a extremidade A no solo, at que a corda toque duas arestas da face 2 em pontos R e B, conforme a figura. Nessas condies, a) Calcule PR. b) Calcule AB.

Questão 8
2008Biologia

(FUVEST - 2008 - 2 FASE)A figura abaixo mostra o esquema de um ovo de galinha, contendo um embrio, aps 13 dias de incubao. a) Explique a importncia da casca do ovo e da bolsa amnitica para o sucesso do desenvolvimento da ave. b) Na semente das angiospermas, existe um tecido cuja funo equivalente do contedo do saco vitelnico. Identifique esse tecido vegetal e explique sua funo.

Questão 8
2008BiologiaQuímica

(FUVEST - 2008 - 1 FASE)Para indicar a acidez de uma soluo, usa-se o pH, que informa a concentrao de ons H+ que se encontram na soluo. A gua pura tem pH igual a 7, o que significa que existe 1 mol de H+ para cada 107 litros. Do mesmo modo, numa soluo de pH igual a 3 existe 1 mol de H+ para cada 103 litros. Se determinada soluo tem pH igual a 6, pode-se concluir que a concentrao de ons H+ nessa soluo

Questão 8
2008Português

(FUVEST 2008) Sou o Descobridor da Natureza. Sou o Argonauta* das sensaes verdadeiras. Trago ao Universo um novo Universo Porque trago ao Universo ele-prprio. Alberto Caeiro, Poesia. *Argonauta: tripulante lendrio da nau mitolgica Argo; por extenso, navegador ousado. Nos versos acima, Alberto Caeiro define-se a si mesmo de um modo que tanto indica sua semelhana como sua diferena em relao a um tipo de personagem de grande importncia na Histria de Portugal. a) Em sua definio de si mesmo, a que tipo de personagem da Histria portuguesa assemelha-se o poeta? Explique brevemente. b) Considerados no contexto geral da poesia de Alberto Caeiro, que diferena esses versos assinalam entre o poeta e o referido tipo de personagem histrica de Portugal? Explique sucintamente.

Questão 8
2008História

(FUVEST 2008)Canudos no se rendeu. Exemplo nico em toda a Histria, resistiu at ao esgotamento completo. [...] Caiu no dia 5, ao entardecer, quando caram os seus ltimos defensores, que todos morreram. Eram quatro apenas: um velho, dois homens feitos e uma criana, na frente dos quais rugiam raivosamente cinco mil soldados. Euclides da Cunha, Os Sertes. Relacione o movimento de Canudos com a) os problemas econmico-sociais da regio. b) a crena religiosa e a luta poltica da populao.

Questão 9
2008História

(FUVEST 2008) Observando essas duas imagens e apoiando-se em seus conhecimentos, a) descreva os dois personagens histricos, explicando as relaes entre o Estado e os trabalhadores. b) indique, no mnimo, duas outras caractersticas desses dois governos denominados populistas.

Questão 9
2008Geografia

(FUVEST - 2008 - 1 FASE) A questo energtica contempornea, especialmente no que se refere ao uso de combustveis fsseis, pode ser olhada sob uma perspectiva mais ampla. A vida na Terra tem alguns bilhes de anos. Nossa espcie, que surgiu h cerca de 150 mil anos, produz ferramentas h cerca de 40 mil anos, usa carvo mineral h cerca de 300 anos e petrleo h cerca de 100 anos. Esses recursos energticos, devidos longa deposio de organismos, encontram-se em diversas regies, algumas delas hoje desrticas. O consumo combinado atual desses combustveis, sobretudo na indstria e nos transportes, equivale a uma queima da ordem de 100 milhes de barris de petrleo por dia, fato que preocupa pelo aumento, na atmosfera, de gases responsveis pelo efeito estufa. Da leitura desse texto, correto afirmar que

Questão 9
2008Português

(FUVEST 2008) Voc janta comigo, Escobar? Vim para isto mesmo. Minha me agradeceu-lhe a amizade que me tinha, e ele respondeu com muita polidez, ainda que um tanto atado, como se carecesse de palavra pronta. (...) Todos ficaram gostando dele. Eu estava to contente como se Escobar fosse inveno minha. Jos Dias desfechou-lhe dois superlativos, tio Cosme dois capotes, e prima Justina no achou tacha que lhe pr; depois, sim, no segundo ou terceiro domingo, veio ela confessar-nos que o meu amigo Escobar era um tanto metedio e tinha uns olhos policiais a que no escapava nada. So os olhos dele, expliquei. Nem eu digo que sejam de outro. So olhos refletidos, opinou tio Cosme. Seguramente, acudiu Jos Dias, entretanto, pode ser que a senhora D. Justina tenha alguma razo. A verdade que uma coisa no impede outra, e a reflexo casa-se muito bem curiosidade natural. Parece curioso, isso parece, mas... A mim parece-me um mocinho muito srio, disse minha me. Justamente! confirmou Jos Dias para no discordar dela. Quando eu referi a Escobar aquela opinio de minha me (sem lhe contar as outras naturalmente) vi que o prazer dele foi extraordinrio. Agradeceu, dizendo que eram bondades, e elogiou tambm minha me, senhora grave, distinta e moa, muito moa... Que idade teria? Machado de Assis, Dom Casmurro. a) Um crtico afirma que, examinada em suas relaes, a populao de Dom Casmurro compe uma parentela, uma dessas grandes molculas sociais do Brasil tradicional, no centro da qual est um proprietrio mais considervel, cercado de figuras que podem incluir, entre outros, um ou mais agregados, vizinhos com obrigaes, comensais, parentes pobres em graus diversos, conhecidos que aspiram proteo (...). (Adaptado de Roberto Schwarz, Duas meninas.) Identifique o papel que cada uma das personagens que aparecem no trecho de Dom Casmurro desempenha na composio da referida parentela. (Observao: os nomes das personagens encontram-se reproduzidos na pgina de respostas). b) Na conversao apresentada no trecho, as falas de Jos Dias refletem a posio social que ele ocupa nessa parentela? Justifique sua resposta.

Questão 9
2008Biologia

(FUVEST - 2008 - 2 FASE)Em artigo publicado na revista Nature (27/9/2007), os cientistas James Lovelock e Chris Rapley propem, como ao contra o aquecimento global, a instalao de tubos nos oceanos a fim de bombear, para a superfcie, a gua que est entre 100 e 200 metros de profundidade. A gua bombeada, rica em nutrientes, funcionaria como fertilizante na superfcie ocenica. a) De que maneira essa medida poderia colaborar para a reduo do aquecimento global? b) Espera-se tambm que a produtividade da pesca aumente nos locais em que a gua do fundo for bombeada para a superfcie. Como esse procedimento poderia provocar o aumento na quantidade de peixes?

Questão 9
2008Geografia

(FUVEST - 2008 - 2fase) Um dos problemas enfrentados por muitos brasileiros so os escorregamentos de grandes volumes de solo e rocha, cujas conseqncias podem incluir, no raras vezes, perda de vidas humanas. a) Cite dois fatores fsico-naturais envolvidos em processos de escorregamento como o apresentado na foto ao lado. Explique-os. b) Analise, criticamente, dois tipos de ao humana, que, em geral, colaboram para a ocorrncia de episdios dessa natureza.

Questão 9
2008Matemática

(FUVEST - 2008)A figura na pgina de respostas representa o nmero no plano complexo, sendo a unidade imaginria. Nessas condies, a) determine as partes real e imaginria de e de . b) represente e na figura ao lado. c) determine as razes complexas da equao z-1=0 .

NOVIDADES
Kuadro